Menu
Busca terça, 18 de setembro de 2018
(67) 9860-3221

Marido pode ter matado mulher achada semi-nua na Capital

10 dezembro 2003 - 10h27

A Polícia Civil começa a esclarecer o assassinado de Aparecida Vanusa Siqueira, que foi encontrada semi-nua no domingo, na saída para Sidrolândia, perto do Lixão e da fábrica da Frutilla. Já sabe por exemplo que a última ocasião em que foi vista com vida foi na boate "Porteira Quebrada", onde esteve se divertindo com o marido, o tenente-coronel bombeiro Medina. A mulher foi morta com pancadas na testa.À polícia, o marido disse que deixou esposa com uma amiga e foi embora para casa cuidar dos dois filhos. A mãe da mulher assassinada está acusando o tenente-coronel de ser o mandante do assassinato, informou há pouco a FM Capital. No "Porteira Quebrada", Vanusa teria sido "paquerada" por dois homens, conhecidos como Beto Panataneiro e Gilson. A polícia, contudo, não tem ligações dois dois com o crime. O próximo passo será vistoriar o carro do tenente-coronel.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZ
Iza posa de biquíni na piscina e ganha comentários de Sandy e Maria Rita
CAMPO GRANDE
Idoso cai em golpe ao tentar ajudar falso sobrinho em acidente de carro
FUTEBOL
Renato será executivo de futebol e jogador do Santos ao mesmo tempo
RIO BRILHANTE
Homem é preso suspeito de ter estuprado menina de 6 anos em fazenda
JUSTIÇA
Consumidor que fez “gato” em energia é condenado a pagar dívida
FRONTEIRA
Polícia prende dupla responsável por roubom de cerca de 15 motos
UFGD
Evento sobre prevenção ao suicídio acontece até segunda-feira
JUSTIÇA
PGR recorre contra decisão de Gilmar Mendes que soltou Beto Richa
CONCURSO
UEMS recebe inscrições para dois novos Processos Seletivos
ESPORTES
Hortência é eleita a melhor da história dos Mundiais de Basquete

Mais Lidas

DOURADOS
Homem encontrado na Marcelino morreu de causas naturais
FLAGRANTE
Mãe é presa na frente da filha traficando cocaína
DOURADOS
Corpo é encontrado na Marcelino Pires
MS-164
Trio é flagrado com mais de 1t de maconha no Copo Sujo