Menu
Busca quarta, 17 de outubro de 2018
(67) 9860-3221

Maníaco de Aquidauana é assassinado dentro do Instituto Penal

19 dezembro 2003 - 09h19

Cícero Duarte Constantino, autor confesso da violência sexual e morte da menina Mayara Brito Neves, de apenas três anos de idade, ocorrida semana passada em Aquidauana, foi assassinado nesta madrugada no Instituto Penal de Campo Grande. Segundo a diretora-geral da DGSP (Diretoria Geral do Sistema Penitenciário), Zenóbia Pedrosa, outro detento que estava junto como Constantino na cela também foi morto. “Ele estava na cela separada com detentos que cometeram o mesmo crime”, afirmou. O acusado havia sido transferido porque Campo Grande porque corria risco de ser linchado pela população da cidade que está revoltada.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ELEIÇÕES 2018
Geração de mídias para o segundo turno começa hoje
BRASIL
Dia Nacional da Vacinação alerta para importância da imunização no País
BRASIL
Municípios não podem criar loterias próprias, afirma Supremo
OPERAÇÃO ALTA PRESSÃO
Ação em MS fiscaliza comércio de armas de fogo e munições
CAMPO GRANDE
Volume da TV resultou em assassinato de preso
OPERAÇÃO CERVO DO PANTANAL
Pecuarista é multado por desmatamento ilegal de 176 hectares
REGIÃO NORDESTE
Obras imponentes, como as torres das igrejas coloniais; conheça a cidade de Goiana
DOURADOS
Vacinação antirrábica atende região do Parque das Nações
TEMPO
Instituto emite alerta de tempestade para Dourados e outros 37 municípios em MS
AOS PAPAIS
Como escolher o sapatinho do bebê?

Mais Lidas

DOIS DIAS DEPOIS
Servidora pública é encontrada nos fundos de residência que estava para alugar
DOURADOS
Cinco anos após crime, acusados pela morte de vendedor douradense vão a júri popular
CENAS DE CINEMA
Perseguição e troca de tiros termina com veículos recuperados em Dourados
DOURADOS
Familiares continuam na busca por mulher desaparecida e criticam falsos alertas