Menu
Busca sábado, 08 de agosto de 2020
(67) 99659-5905

Lula vai sancionar lei que coíbe violência contra a mulher

01 agosto 2006 - 11h38

Após a aprovação na Câmara dos Deputados e no Senado, o presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva, sancionará no próximo dia 7 de agosto, às 12 horas (horário de Brasília) o a Lei n.º 37/2006, que coíbe a violência contra a mulher no País. De acordo com a Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres do Governo Federal (SPM/PR) essa é “mais uma conquista das mulheres brasileiras no âmbito do enfrentamento à violência contra a mulher no Brasil”. A lei conceitua e define a violência física psicológica, sexual, patrimonial e moral, vivenciada pelas mulheres no dia-a-dia, além de determinar o encaminhamento de mulheres em situação de violência, assim como seus dependentes a programas e serviços de proteção. A proposição aprovada autoriza a criação, no âmbito estadual, de juizados e varas especiais de atendimento à violência contra a mulher com competência cível e criminal. A lei na íntegra pode ser lida no site www.planalto.gov.br/spmulheres (no link Legislação). Maiores Informações: (67) 3318-1081 e (67) 3318-1006

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAN BADO
Polícia paraguaia apreende quase três toneladas de maconha na fronteira
OPORTUNIDADE
JBS oferece mais de 600 vagas em Dourados e mais cinco cidades
SÃO PAULO
Internautas arrecadam R$ 121 mil para entregador que sofreu ofensas racistas
SAÚDE
Dia nacional do combate ao colesterol chama atenção para o problema
CAPITAL
Macaco sagui morre eletrocutado e fica grudado em fiação elétrica
EDUCAÇÃO
IFMS abre processo seletivo para contratação de 16 professores substitutos
MATO GROSSO
Morre Dom Pedro Casaldáliga, o bispo das causas sociais e indígenas
FUTEBOL
Palmeiras bate Corinthians nos pênaltis e conquista o Paulistão após 12 anos
COMÉRCIO EXTERIOR
Exportação de soja de MS avança 129% em relação ao ano passado
COVARDIA
Homem agride moradora de rua na saída de supermercado e foge

Mais Lidas

INVESTIGAÇÕES
Polícia desarticula quadrilha responsável por furtos e tentativa de homicídio em Dourados
DOURADOS
Mãe e marido de adolescente de 12 anos são autuados por estupro de vulnerável
PANDEMIA
Com mais dois óbitos confirmados, Dourados chega a 61 mortes por coronavírus
DOURADOS
Equipe do Samu se desloca para atender vítima de facadas em bairro