Menu
Busca sexta, 21 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Lula vai ao RS amanhã conferir os estragos da seca

15 março 2005 - 12h48

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva chega amanhã, às 12h, no Rio Grande do Sul. Ele faz um discurso em Erechim, no Vale do Rio Pardo, e depois sobrevoa as regiões castigadas pela estiagem.
Antes de passar pelo Rio Grande do Sul, o presidente visita Santa Catarina e participa de um ato na cidade de Coronel Freitas, na região de Chapecó, no oeste catarinense. Lula também deve reafirmar as medidas anunciadas pelo ministro do Desenvolvimento Agrário, Miguel Rossetto, na última sexta-feira, para auxílio aos agricultores atingidos pela seca.
O presidente vai conferir de perto os reflexos da estiagem. Sua ida a Erechim se deve por este ser um dos municípios que teve mais prejuízos com a seca.
Lula sairá de Brasília às 8h com destino a Chapecó (SC), onde segue de carro até o município de Coronel de Freitas, conforme agenda do Palácio do Planalto. O Estado já recebeu 430 decretos declarando municípios em situação de emergência e homologou 294.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA
Acidente causado por animal deve ser indenizado por concessionária
BRASIL
PRF flagra mais de duas mil ultrapassagens proibidas em rodovias federais
TRATAMENTO
Servidor é indiciado por furtar computadores com projetos da Seinfra
CORONAVÍRUS
Brasil fiscaliza entrada de passageiros de 7 países da Ásia
ECONOMIA
Dólar tem leve alta nesta sexta e renova patamar recorde de fechamento
CAMPO GRANDE
Juíza busca parceria para ampliação do Família Acolhedora
DÁ TEMPO
Ainda não decidiu para onde ir no Carnaval? MS tem opção para todos os gostos
CIRCUITO DE SEGURANÇA
Polícia divulga imagens de penitenciária da fronteira em noite de 'fuga em massa'
BRASIL
Corpo do ex-PM Adriano é liberado para sepultamento após segundo exame
IMUNIZAÇÃO
Campanha de vacinação contra o sarampo segue até março

Mais Lidas

DOURADOS
Mulher ameaça se jogar de torre no Jardim Guaicurus
DOURADOS
Júri termina com réu condenado a 15 anos por matar desafeto em 2018
DOURADOS
Fechamento e promoções levam multidão a fazer fila em hipermercado
DOURADOS
Polícia vai ao Guaicurus e prende condenado por pedofilia