Menu
Busca sábado, 23 de março de 2019
(67) 9860-3221

Lula reafirma compromisso de assentar 530 mil famílias

18 dezembro 2003 - 16h15

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva reafirmou hoje, durante o balanço de seu primeiro ano de governo, que realizará, até 2006, uma ampla reforma agrária no país. "Meu governo só terá honrado a esperança do povo depois de fazermos uma reforma de massa e de qualidade, e vamos fazê-la", afirmou. Segundo Lula, até o final do mandato o governo pretende assentar 530 mil famílias, sendo 400 mil em áreas desapropriadas com terras do governo. As outras 130 mil receberão créditos para aquisição de terras que não podem ser objeto de desapropriação. Lula lembrou que quase 80% dos assentamentos feitos até agora não ofereciam às famílias condições de produção. "Muitas delas dependiam de cestas básicas oferecidas pelo governo para sobreviver. Antes de fazer novos assentamentos, o governo decidiu recuperar os antigos, oferecendo crédito e assistência técnica às famílias. Nosso modelo de reforma estabelece um vínculo sólido entre as famílias e suas propriedades", afirmou Lula.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CICLISMO
Desafio das Araras de Mountain Bike abre inscrições para 2ª etapa
TRÊS LAGOAS
Homens tentam dar calote de R$ 4,5 mil em boate e acabam na delegacia
VIOLÊNCIA
Líder rural é assassinada a facadas em assentamento no sudeste do Pará
DOURADOS
Homem é assaltado por trio quando trafegava próximo ao shopping
SELEÇÃO
Brasil enfrenta hoje o Panamá no primeiro amistoso da temporada
CRIME AMBIENTAL
Fazendeiros são autuados em R$ 19,5 mil por quatro desmatamentos
DESACOMPANHADOS
Nova lei exige autorização judicial para menores de 16 anos viajarem
CENTRO
Jovem de 22 anos perde motocicleta durante assalto em Dourados
EDUCAÇÃO
IFMS divulga local de prova e ensalamento de concurso para docentes
PONTA PORÃ
Clientes de mercado ficam na mira de 4 bandidos durante assalto

Mais Lidas

HU
Dengue hemorrágica causa morte de menino de 11 anos em Dourados
LUTO
Fundadora da ADL, Ruth Hellman morre em Dourados
DOURADOS
Protesto contra a Reforma da Previdência leva centenas ao Centro
DOURADOS
Trio que matou e roubou cabeleireiro é condenado a 62 anos de cadeia