Menu
Busca terça, 07 de abril de 2020
(67) 9860-3221

Juiz antecipa reunião sobre impasse de Japorã

13 janeiro 2004 - 07h49

O juiz federal Odilon de Oliveira deverá ter muito trabalho nesta terça-feira para buscar uma solução para o impasse que divide índios e fazendeiros e está deixando o clima muito tenso na zona rural de Japorã.  Na semana passada o magistrado tentou solucionar o problema ouvindo primeiro os fazendeiros e depois os índios. O juiz foi até a área em conflito e voltou sem nenhuma solução, já que os índios não aceitam nenhum tipo de resultado que não seja a retirada dos fazendeiros do local e que as terras sejam declaradas como território indígena.  Ainda esta semana Odilon pretende retornar para a área em litígio e já demonstrou a vontade de ir sem a escolta policial, mesmo reconhecendo que corre risco devido ao clima tenso.  A reunião que estava marcada para esta tarde foi antecipada para às 10 horas da manhã e os advogados dos fazendeiros deverão estar presentes juntamente com o Advogado dos indígenas, Ipojucan José Ferreira e representantes da FUNAI também deverão participar do encontro.  Um dos fatores que está dificultando um acordo seria a falta de um líder por parte dos Guarani/Cauia para negociar com as autoridades e com os fazendeiros.  Os produtores rurais deverão se mobilizar para acompanharem a reunião em frente ao prédio da Vara Federal em Dourados. (Antonio Coca) 

Deixe seu Comentário

Leia Também

PASSAPORTE FALSO
Ronaldinho Gaúcho ficará em prisão domiciliar, decide juiz paraguaio
APARECIDA DO TABOADO
Adolescentes matam professor aposentado com quinze facadas
MINISTÉRIO PÚBLICO
Promotor Alexandre Magno é o novo Procurador-Geral de Justiça de MS
JUDICIÁRIO
Cadeirante deve ser indenizado por má prestação de transporte público
FIGUERÃO
Menino desconfia de ‘amigo’, avisa o pai e impede estupro da irmã
AVANÇO DA PANDEMIA
Brasil registra 114 mortes por coronavírus em 24 horas e chega a 667
DOURADOS
Suplente de Braz consegue derrubar afastamento no TJ
COTAÇÃO
Dólar recua, mas fecha acima de R$ 5,20
TRÁFICO DE DROGAS
Maconha e skunk que seriam entregues em São Paulo são apreendidos em MS
BATALHA JURÍDICA
Braz recorre ao STJ para suspender decisão que pode lhe custar o mandato na Câmara

Mais Lidas

DOURADOS
Dois homens são executados por dupla de moto no Jardim Carisma
FLEXIBILIZAÇÃO
Com restrições, comércio volta a funcionar amanhã em Dourados
COVID-19
Estado tem mais três confirmações do novo coronavírus em 24 horas, todas no interior
DOURADOS
Polícia apura que filho matou pai a pauladas após agredir a mãe grávida