Menu
Busca terça, 18 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Jovino diz que Tetila quer escapar do princípio da anualidade

22 dezembro 2003 - 18h13

O presidente da Subseção local da Ordem dos Advogados do Brasil, Jovino Balardi, disse há pouco ao Dourados News que se o juiz Lúcio Raimundo da Silveira, que responde pela 6ª Vara Cível, conceder a liminar ao pedido da OAB, que questiona os prazos definidos para a realização da votação em caráter extraordinário do projeto que institui o novo Código Tributário municipal, todos os efeitos produzidos dessa votação serão anulados. "O que se percebe é que o prefeito tenta escapar do princípio da anualidade, porque se aprovar a lei ainda este ano a partir de fevereiro já estará emitindo carnês", disse o presidente da OAB, comentando que o Regimento Interno estipula um prazo de dez dias para começar o debate, o que deveria vigorar a partir do dia 16. "Então, a Câmara só poderia começar a discutir esse assunto do dia 26 em diante", analisa Jovino Balardi.

Deixe seu Comentário

Leia Também

VIOLÊNCIA
Homem é assassinado em frente a padaria em Dourados
APÓS 9 ANOS
Hipermercado fecha as portas em Dourados no final do mês
ASSEMBLEIA
Proposta quer que inadimplente possa quitar débito no ato de interrupção do serviço
FIM DO PRAZO
Cartório Eleitoral reforça convocação de eleitores para cadastro biométrico
LUZ DA INFÂNCIA
Operação contra exploração sexual infantil contabiliza 38 prisões
TRÁFICO
Droga que seria levada ao MT é apreendida em ônibus
DOURADOS
Maconha apreendida na Presidente Vargas seria levada ao interior de SP
FISCALIZAÇÃO
Procon notifica 40 postos de Dourados para saber detalhes sobre aumento da gasolina
TRÁFICO
Cocaína que saiu de Dourados é apreendida em operação no Paraná
DOURADOS
Hemocentro não terá atendimento nos dias de Carnaval

Mais Lidas

DOURADOS
Ferido com tiro no peito, entregador chega pilotando moto na UPA
DOURADOS
Líderes de motim que causou estragos na Unei são levados à delegacia
DOURADOS
VÍDEO: Internos 'batem grade' e queimam colchões em princípio de rebelião na Unei
FRONTEIRA
Festa termina com aniversariante e convidado assassinados por pistoleiros