Menu
Busca segunda, 24 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

João Paulo II fala pela primeira vez após traqueostomia

01 março 2005 - 12h36

O papa João Paulo 2º, que passou por uma traqueostomia [intervenção cirúrgica que facilita a respiração] há cinco dias, falou nesta terça-feira pela primeira vez, em italiano e alemão, o que significa uma melhora significativa ao sumo pontífice, segundo o cardeal Joseph Ratzinger. "O papa falou comigo em alemão e italiano.
Estou muito contente porque o Santo Padre está 100% mentalmente alerta e apto para falar com sua própria voz as coisas que são essenciais", disse Ratzinger, que se negou a comentar por quanto tempo João Paulo 2º conseguiu falar. O porta-voz do Vaticano, Joaquin Navarro-Valls, disse nesta terça-feira que as condições do papa, de 84 anos, estão melhorando, e que o sumo pontífice faz terapia para melhorar a respiração e a fala.
Hoje faz um mês que João Paulo 2º foi internado pela primeira vez neste ano para tratar de uma crise respiratória causada por um forte gripe. No dia 1º de fevereiro, o papa foi levado às pressas ao hospital Gemelli (em Roma) para se tratar de uma laringotraqueíte [inflamação da laringe e da traquéia] e crises de laringoespasmos [fechamento da laringe que impede a passagem do ar para o pulmões, dificultando a respiração.
O papa sofre também do mal de Parkinson. Após ficar dez dias internado e perder pela primeira vez na história de seu papado a missa de Quarta-Feira de Cinzas, o papa voltou ao Vaticano e, sob cuidados médicos, retomou parcialmente suas atividades. Mas na última quinta-feira (24) o sumo pontífice foi internado mais uma vez e submetido a uma traqueostomia.
Segundo relatos médicos oficiais, a traqueostomia foi uma decisão eletiva, ou seja, sem caráter de urgência, e feita apenas para dar mais conforto ao papa, já que facilita a respiração. No último domingo (27), quebrando um comunicado oficial que descartava sua aparição e surpreendendo fiéis do mundo inteiro, o papa João Paulo 2º apareceu na janela de seu quarto no 10º andar do hospital em Roma, deu a bênção e colocou a mão na garganta, sinalizando o local de sua cirurgia.

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Governo facilitará exportações de produtos voltados à Defesa
BRASIL
Síndrome metabólica em adolescentes é tema de pesquisa da Capes
DOURADOS
Campanha sobre tuberculose e hanseníase será realizada em março
POLÍCIA
DOF flagra cinco com 400 quilos de contrabando em Dourados
BRASIL
Trabalho infantil aumenta 38% durante o carnaval; saiba como denunciar
STF
Liminar garante ao RS fixar contribuição previdenciária de militares sem sanções por parte da União
DOURADOS
Com ponto facultativo, sessão da Câmara foi antecipada
MS
Um dos pilares da ressocialização, a religião promove ambiente de fé em presídios
ESTADO
Judiciário de MS retomará expediente na quinta-feira
MUNDO
Cientistas descartam que novo vírus tenha origem em mercado em Wuhan

Mais Lidas

CRIME
Ex-integrante de grupo de Rap é morto a tiros em Dourados
WEIMAR TORRES
Mulher morre após bater em carro que roletou avenida
FÁTIMA DO SUL
Polícia prende homem que matou namorada a marteladas
FRONTEIRA
Suspeitos de matar jornalista são presos em operação