Menu
Busca domingo, 23 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Inmetro inicia certificação de bebedouros elétricos em MS

25 janeiro 2005 - 13h01

Termina no próximo dia 31 o prazo para comercialização de bebedouros elétricos de água potável sem a certificação do Inmetro, que estabelece requisitos de segurança ao consumidor. A partir de 1º de fevereiro, os fabricantes de bebedouros elétricos de água potável só poderão comercializar os produtos que ostentarem a marca da certificação do Inmetro. Depois dessa data, os produtos irregulares serão apreendidos no comércio e a multa pode chegar até a R$ 1,5 milhão.De acordo com o diretor-presidente da Agência Estadual de Metrologia (AEM/MS) Donizete Aparecido da Silva, a certificação será obrigatória para todos os bebedouros com sistema elétrico incorporado para fornecimento de água potável, inclusive os aparelhos domésticos que se proponham a melhorar a qualidade da água. No início a AEM/MS realizará ação preventiva, orientando os comerciantes quanto às regras para o cumprimento da determinação. Os produtos em estoque que estiverem sem a certificação terão que ser substituídos.Após as orientações iniciais, a equipe de fiscais da AEM/MS retornará aos estabelecimentos para verificar se os produtos estão sendo comercializados com o selo de certificação do Inmetro que tem base na norma internacional IEC, adotada pelo Brasil e demais países do Mercosul e vale para produtos nacionais e importados. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Governo facilitará exportações de produtos voltados à Defesa
BRASIL
Síndrome metabólica em adolescentes é tema de pesquisa da Capes
DOURADOS
Campanha sobre tuberculose e hanseníase será realizada em março
POLÍCIA
DOF flagra cinco com 400 quilos de contrabando em Dourados
BRASIL
Trabalho infantil aumenta 38% durante o carnaval; saiba como denunciar
STF
Liminar garante ao RS fixar contribuição previdenciária de militares sem sanções por parte da União
DOURADOS
Com ponto facultativo, sessão da Câmara foi antecipada
MS
Um dos pilares da ressocialização, a religião promove ambiente de fé em presídios
ESTADO
Judiciário de MS retomará expediente na quinta-feira
MUNDO
Cientistas descartam que novo vírus tenha origem em mercado em Wuhan

Mais Lidas

WEIMAR TORRES
Mulher morre após bater em carro que roletou avenida
JARDIM GUAICURUS
Jovem resgatada foge da UPA e tenta subir em torre mais uma vez
FÁTIMA DO SUL
Polícia prende homem que matou namorada a marteladas
FRONTEIRA
Suspeitos de matar jornalista são presos em operação