Menu
Busca sexta, 17 de agosto de 2018
(67) 9860-3221

Índios são acusados de destruir propriedades em Japorã

20 janeiro 2005 - 14h36

Um grupo de indígenas está sendo acusado de destruir mais uma propriedade localizada no município de Japorã, região Sul do Estado. Nessa semana, foi registrado mais um boletim de ocorrência no município de Japorã.
Os índios teriam destruído a casa localizada no sito São José, de propriedade de José Joaquim Nascimento, mais conhecido como “Zé Alagoano”. Ele tem 82 anos de idade e mora há 43 no local.
Desde a invasão de 2003, o proprietário não conseguiu mais voltar para sua propriedade, pois a casa foi muito danificada na época e ele não conseguiu dinheiro para recuperá-la. Paga aluguel na cidade, com o salário que recebe de aposentadoria e ajuda dos amigos.
Agora, segundo o boletim de ocorrência e as fotos que foram apresentadas para serem anexadas ao processo, os índios danificaram ainda mais a casa, que está completamente inutilizada. “A situação está completamente insustentável, e até agora não temos visto respostas claras e convincentes das autoridades”, desabafa um produtor, que não quis ter o nome revelado, pois teme por retaliações.
O conflito se arrasta desde de dezembro de 2004, quando um grupo de índios da etnia guarani-nhãdeva invadiu catorze propriedades na região. A justiça demarcou áreas para permanência de um pequeno grupo em três propriedades, até que e resolva a questão. No entanto, os produtores queixam-se de que os índios não respeitam a decisão. As reclamações mais freqüentes são de que os índios invadem outras propriedades, abatem gado e danificam cercas. (Claudinei de Oliveira, de Iguatemi)

Deixe seu Comentário

Leia Também

FAMOSOS
Gracyanne Barbosa ousa em posição e deixa bumbum em evidência
ASSEMBLEIA
Projeto aprovado eleva Comarca de Rio Verde à categoria de segunda entrância
TECNOLOGIA
Anatel abre consulta pública sobre uso de faixa de frequência para 5G
JUCEMS
MS abriu mais de 500 empresas em julho
FLAGRANTE
Polícia prende em Corumbá foragido da Justiça do Maranhão
ELEIÇÕES 2018
TSE nega participação de Lula em debate na TV amanhã
ESPECIALIZAÇÃO
IFMS abre matrícula para especialização em Docência para Educação Profissional
ENSINO SUPERIOR
Estudantes que vão concluir graduação já podem se cadastrar no Enade 2018
REAJUSTE SALARIAL
Frentistas de MS tentam reajuste salarial desde 1º de março
COTAÇÕES
Dólar tem leve alta e volta ao patamar de R$ 3,90 com incerteza eleitoral

Mais Lidas

DOURADOS
Madrasta de criança morta é autuada por homicídio
DOURADOS
Além da madrasta, delegado autua o pai e ambos responderão pela morte de criança
DOURADOS
Criança de 1 ano teve trauma no tórax e laceração hepática
DOURADOS
Criança possuía lesões na cabeça e pescoço e polícia investiga o caso