Menu
Busca terça, 07 de abril de 2020
(67) 9860-3221

Hidrovia Paraná/Paraguai será discutida em Buenos Aires

02 dezembro 2003 - 11h11

O superintendente da Administração da Hidrovia do Paraguai (Ahipar), com sede em Corumbá, Fermiano Yarzon, integra a delegação do Ministério dos Transportes na reunião extraordinária do Comitê Intergovernamental da Hidrovia (CIH), nesta quarta-feira, em Buenos Aires (Argentina). O encontro reavaliará projetos para manutenção do trecho entre Corumbá e Assunção (Paraguai).A reunião do CIH também discutirá as intervenções na hidrovia com base na declaração assinada em Santa Cruz de La Sierra (Bolívia), no último dia 15 de novembro, entre os presidentes do Brasil, Argentina, Paraguai, Bolívia e Uruguai. Na declaração, os chefes de Estado se comprometem em executar em 2004 programa de obras para melhoria da navegabilidade na hidrovia.Yarzon informou que a convocação do CIH é extremamente importante para a implementação de uma nova política para fomento do transporte fluvial entre o Brasil e seus parceiros no Mercosul (Mercado Comum do Cone Sul). A Hidrovia Paraguai-Paraná, com 3.442 quilômetros de extensão, entre Cáceres (MT) e Nueva Palmira (Uruguai), é considerada um dos principais corredores comerciais do mundo.“A preocupação do CIH e dos países que integram a hidrovia vem de encontro com a proposta da Ahipar de acelerar o processo de modernização da hidrovia”, disse o superintendente. Segundo ele, além de questões burocráticas pendentes, nas áreas de legislação e navegação, é preciso controle mais efetivo da utilização da via no aspecto ambiental, previsto na declaração de Santa Cruz.A pauta de Buenos Aires tratará do ajuste técnico no projeto que prevê a desobstrução de rochas, em trecho no território paraguaio, e de dragagem de pontos críticos do rio Paraguai, de Corumbá a Assunção. O estudo está sendo elaborado pelo fundo de fomento andino (CAF), com a participação de organizações ambientais não-governamentais, como a coalizão Rios Vivos. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

TRÁFICO
Dupla é flagrafa com 2 toneladas de maconha que seriam entregues em Dourados
PASSAPORTE FALSO
Ronaldinho Gaúcho ficará em prisão domiciliar, decide juiz paraguaio
APARECIDA DO TABOADO
Adolescentes matam professor aposentado com quinze facadas
MINISTÉRIO PÚBLICO
Promotor Alexandre Magno é o novo Procurador-Geral de Justiça de MS
JUDICIÁRIO
Cadeirante deve ser indenizado por má prestação de transporte público
FIGUERÃO
Menino desconfia de ‘amigo’, avisa o pai e impede estupro da irmã
AVANÇO DA PANDEMIA
Brasil registra 114 mortes por coronavírus em 24 horas e chega a 667
DOURADOS
Suplente de Braz consegue derrubar afastamento no TJ
COTAÇÃO
Dólar recua, mas fecha acima de R$ 5,20
TRÁFICO DE DROGAS
Maconha e skunk que seriam entregues em São Paulo são apreendidos em MS

Mais Lidas

DOURADOS
Dois homens são executados por dupla de moto no Jardim Carisma
FLEXIBILIZAÇÃO
Com restrições, comércio volta a funcionar amanhã em Dourados
COVID-19
Estado tem mais três confirmações do novo coronavírus em 24 horas, todas no interior
DOURADOS
Polícia apura que filho matou pai a pauladas após agredir a mãe grávida