Menu
Busca segunda, 18 de março de 2019
(67) 9860-3221

Grupo Sucolotti teria sonegado R$ 3,2 milhões ao fisco estadual

09 dezembro 2003 - 16h14

Um rombo de R$ 3,2 milhões nos cofres públicos estaduais seria o saldo deixado pela sonegação do grupo Sucolotti em Campo Grande. O grupo, formada pelos empresários Néri Sucolotti, Néri Sucolotti Júnior, Elton José Cecco e Valtcir Miotto, foi preso hoje pelo Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) depois de ter sido investigada por mais de seis meses. Outro integrante do grupo, Fábio Marcelo Sucolotti, está foragido.Os empresários respondem por crimes contra a ordem tributária, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha. Os crimes envolvem os denunciados e as empresas Ideal Comércio de Derivados de Petróleo Ltda., São Jorge Comércio de Combustíveis e Derivados Ltda. e Agroindustrial São Jorge, todos da família Sucollotti. Eles foram presos em cumprimento a mandados judiciais expedidos pela 3ª Vara Criminal de Campo Grande. Pai e filho foram presos na empresa Iveco, enquanto Miotto e Seco estavam no Posto Ideal quando foram flagrados pelo grupo.Pela investigação, além de desmontar o crime, foi concluído que o grupo ainda usava "laranjas" como sócios-proprietários das empresas junto à Jucems. As empresas em nome dos "laranjas", que em verdade pertencem à família Sucolotti, prestam-se a "legalizar" a sonegação fiscal praticada pela Ideal Comércio de Derviados de Petróleo, bem como à dissimulação da utilização de valores provenientes de sonegação fiscal.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AQUIDAUANA
Adolescente é trancada dentro de casa e estuprada por quatro homens
DOURADOS
Projeto Palco para Todos retoma aulas para alunos da Reme em abril
ALCÂNTARA
Acordo permite aos EUA lançar satélites a partir do Maranhão
CRIME AMBIENTAL
Campo-grandense é multado por transporte de 500 litros de agrotóxicos
MARÇO
Petrobras anuncia 7º reajuste no preço da gasolina nas refinarias
PRECAUÇÃO
Brasileira estuprada por policiais em prisão na Bolívia é transferida
SIGA/MS
Mais de 90% das lavouras de soja já foram colhidas no Estado
COXIM
Corpo de homem que morreu após colisão de barcos é encontrado
LEÃO
Receita Federal recebeu 3,8 milhões de declarações do IR em 11 dias
PONTA PORÃ
Dupla em caminhonete é executada a tiros na região de fronteira

Mais Lidas

DOURADOS
Colisão termina com mulher presa nas ferragens e semáforo no chão
TRAGÉDIA
Família que morreu em acidente na BR-060 seguia para missa de colação de grau
POLÍCIA
Mulher é morta pelo marido com golpes de machadinha na frente do filho
BR-060
Morre no hospital terceira vítima de acidente na Capital