Menu
Busca sexta, 14 de dezembro de 2018
(67) 9860-3221

Grêmio teme "sangue doce" do Santos na Vila Belmiro

07 dezembro 2003 - 10h48

O Grêmio teme neste domingo, contra o Santos, justamente o fato que aparentemente só lhe seria favorável: a despreocupação do rival.A equipe gaúcha, 22ª colocada entre os 24 times do Nacional, depende de uma vitória sobre o time da Vila para continuar afastada da zona de rebaixamento.O Santos jogará com aquilo que, no jargão do futebol gaúcho, costuma ser definido como "sangue doce". Ou seja, sem pressão e sem compromisso de vencer. A preocupação vai surtir efeitos em termos táticos. Para conter o ataque santista de três homens, o técnico Adílson Batista sacou da equipe o lateral-direito George, um dos responsáveis pela recuperação gaúcha nos últimos jogos.No seu lugar, entra o volante Leanderson, que se caracteriza por ser melhor marcador.Para ajudar no trabalho de contensão, Adílson terá os volantes Gavião e Tinga. Os meias Bruno e Gilberto também deverão preencher o setor, e até mesmo os atacantes Cláudio Pitbull e Christian estão orientados a marcar.O princípio do treinador é básico: antes de partir para a necessária vitória, evitar sofrer gols. A principal preocupação é ter consistência no meio-campo e, assim, assegurar o controle da partida. O Grêmio depende de suas próprias forças para não ser rebaixado. Para não precisar acompanhar os outros jogos da tabela, porém, a missão é, além de bater o Santos, superar o Corinthians em Porto Alegre na última rodada.O técnico Leão mostra que a preocupação dos gaúchos é legítima. Ele exigiu respeito ao Santos dos jogadores e quer que o elenco encerre sua participação no torneio com seriedade. "A idéia é terminar o ano com o maior número de vitórias", disse Leão, que enfatizou o trabalho psicológico durante a semana para motivar os atletas, já que o título está nas mãos do Cruzeiro.Para enfrentar o Grêmio, o técnico tem dois desfalques. Elano e Fabiano cumprem suspensão automática por cartões amarelos e não atuam. Leão não fez mistério e anunciou os substitutos. Douglas e William tiveram seus nomes confirmados.Leão sabe que terá pela frente um adversário difícil, já que os gaúchos lutam para não cair. "Por isso, esperamos um jogo complicado. O Grêmio é um time preocupado e vai incomodar".O mais esfuziante com a partida é o atacante William, que voltou a ter uma chance entre os titulares.Mesmo atuando bem em várias oportunidades e marcando gols importantes (no Brasileiro foram nove), Leão não o prestigiou. "Mesmo assim agradeço a chance que estou recebendo agora e quero aproveitar para me firmar", contou o jogador. Encampando o discurso de seu treinador, o atacante diz que a equipe não está desmotivada. "É um jogo difícil, mas nós vamos buscar um bom resultado", concluiu.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AMBIENTAL
Paranaense é autuado em R$ 13 mil por disposição e armazenamento ilegal de agrotóxicos
FUTEBOL
Sete anuncia retorno de Otacílio Neto para o Estadual
JUSTIÇA
Acusada de descriminação, escola é condenada a pagar R$ 8 mil de indenização
ROUBO
Homem cai no golpe do falso frete em Dourados e perde F-4000
DOURADOS
Homem acorda, é surpreendido por ladrão e trancado no banheiro durante roubo
UFGD
Estão abertas as inscrições para o Vestibular indígena Teko Arandu
AQUIDAUANA
Corpo de trabalhador rural é resgatado por helicóptero da FAB
POLÍCIA
Homem é preso após ser flagrado transportando maconha na MS-164
ITAPORÃ
Operação mira roubos encomendados de dentro da PED
CENTRO DE MEDICINA DO TRABALHO
Eu apoio o projeto Natal para Todos - Dourados Brilha

Mais Lidas

BOAS FESTAS
Operação contra tráfico e roubo termina com cinco presos em Dourados
LUTO
Morre em Dourados empresário dono de tradicional restaurante
MESA DIRETORA
Após polêmicas e ‘novela’, Alan Guedes é eleito presidente da Câmara de Dourados
BOAS FESTAS
Ação conjunta mira traficantes em Dourados