Menu
Busca sexta, 22 de março de 2019
(67) 9860-3221

Governo Federal deve perdoar dívida de 200 mil ex-universitários

02 dezembro 2003 - 09h31

O governo deve editar hoje, uma medida provisória perdoando 80% das dívidas de crédito estudantil de ex-universitários formados entre 1975 e 1998. De acordo com Beto Albuquerque (PSB-RS), vice-líder do governo na Câmara dos Deputados, as contas do governo já não levam em consideração o valor do débito, que gira em torno de R$ 1,5 bilhão. "No Brasil alguém se forma num curso superior e leva até cinco anos para ter um emprego fixo. Sem emprego fixo, quem é que pode pagar um financiamento de mil, dois mil reais? Isso é uma loucura", disse Albuquerque a jornalistas nesta segunda-feira. Como é considerado débito perdido, o impacto fiscal da medida, segundo Albuquerque, é nulo. A idéia é de que a Caixa Econômica Federal (CEF) - banco que concentra os créditos concedidos - ofereça aos ex-universitários um desconto de 80% sobre as dívidas e que os 20% restantes sejam pagos à vista ou em pequenas parcelas. O montante arrecadado com os pagamentos, ainda de acordo com o deputado será de cerca de R$ 300 milhões reais. A medida deve beneficiar cerca de 200 mil ex-universitários de universidades particulares do país. O Programa de Financiamento Estudantil (Fies), criado pelo governo do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, não faz parte do pacote das dívidas que podem ser renegociadas. O argumento do governo é de que como o programa foi criado há pouco tempo (1998), uma parcela considerável de estudantes que aderiram ao crédito ainda estão cursando a graduação e não podem renegociar uma dívida antes do fim do curso.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU
Paolla Oliveira relaxa durante banho de mar: "água é vida"
SAÚDE
Após determinação do STJ, João de Deus é transferido para hospital
FUTEBOL
Uefa abre processo disciplinar contra Neymar por ofensa a ábitro
REFORMA
Devedores contumazes da União poderão ter CNPJ cancelado
UEMS
Curso de Libras Básico I abre inscrições na próxima segunda-feira
DANOS MORAIS
Justiça condena promotor a indenizar ex-presidente Lula em R$ 60 mil
JUSTIÇA
Shopping é condenado por danos morais em acusação falsa de furto
FÁTIMA DO SUL
Mulher é presa acusada de simulou sequestro para a própria família
TECNOLOGIA
Anatel inicia bloqueio de celulares 'piratas' em 15 estados no domingo
CAPITAL
Homem tenta matar a irmã com golpes de facão e acaba preso

Mais Lidas

HU
Dengue hemorrágica causa morte de menino de 11 anos em Dourados
DOURADOS
Tripla colisão deixa dois feridos em cruzamento movimentado
DOURADOS
Universitária morre no HV quatro dias após acidente de moto
RIO BRILHANTE
Dono de oficina baleado pela manhã morre no Hospital da Vida