Menu
Busca sexta, 20 de abril de 2018
(67) 9860-3221
Clube Indaiá - Janeiro 2018

Gaeco prende empresários por lavagem de dinheiro e sonegação

09 dezembro 2003 - 13h58

O Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) prendeu esta manhã em Campo Grande os empresários Neri Sucolotti e o filho dele Neri Júnior Sucolotti, além dos funcionários do grupo Valdir Miotto e Elton José Seco. Eles são acusados dos crimes de lavagem de dinheiro, sonegação fiscal e formação de quadrilha.A família Sucolotti é proprietária do Posto de Combustíveis Ideal, localizado no macro-anel rodoviário e da empresa Iveco, situada na avenida Costa e Silva, saída para São Paulo. De acordo com o grupo, investigações referentes à máfia dos combustíveis apontaram as irregularidades.O Gaeco informou que eles foram presos em cumprimento a mandados judiciais expedidos pela 3ª Vara Criminal de Campo Grande. Pai e filho foram presos na empresa Iveco, enquanto Miotto e Seco estavam no Posto Ideal quando foram flagrados pelo grupo. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Bicicleta é furtada em posto de saúde na Cabeceira Alegre
Furto aconteceu por volta das 15h de ontem (19)
JUSTIÇA
Cerca de 10 mil processos físicos serão convertidos para meio eletrônico na Justiça do Trabalho de MS
EDUCAÇÃO
Dia do livro é comemorado com semana de atividades coordenadas pelo curso de Pedagogia da UNIGRAN
PRIMEIRA ETAPA
Governador garante assinar licitação de Hospital Regional de Dourados em 15 dias
INDÚSTRIA
Em três meses, exportação de industrializados de MS já soma US$ 842,7 milhões
ELEIÇÕES 2018
“Quem vai decidir é o partido”, diz Reinaldo sobre possibilidade de Geraldo Resende disputar Senado
SOLIDARIEDADE
Dourados inaugura a primeira geladeira solidária nesta sexta-feira
ECONOMIA
IBGE aponta prévia da inflação oficial que ficou em 0,21% neste mês
RIGOR
Lei que aumenta pena para motorista embriagado entra em vigor
FEIRA
Drone e ferramentas artesanais fazem sucesso na 3ª edição da Tecnofam

Mais Lidas

DOURADOS
Estudante de medicina é preso com R$36 mil em notas falsas
BR-463
Polícia confirma morte de idoso em ataque de pistoleiros
DIREITOS HUMANOS
Esposas de presos denunciam agressões e Comissão vai até a PED
BR-463
Baleado é trazido ao HV e suspeita é de assalto em propriedade rural