Menu
Busca quarta, 20 de março de 2019
(67) 9860-3221

Frigoríficos aceitam indenizar granja em até R$ 30 mil

22 dezembro 2003 - 15h10

Em reunião realizada na última sexta-feira frigoríficos de Mato Grosso do Sul aceitaram ratear a indenziação de R$ 30 mil à granja Meridional, no município de Paranaíba, onde ocorreu há duas semanas um surto de laringotraqueíte infecciosa, levando cinco mil animais à morte e condenando outros 10 mil ao sacrifício. A informação é do coordenador de Agronegócios da Pecurária pela Seprotur (Secretaria da Produção e Turismo), Marivaldo Miranda. Só com o controle da doença na região o Iagro (Agência Estadual de Defesa Sanitária Animal e Vegetal) gastou R$ 10 mil e agora está em estudo uma forma de regularizar a entrada de aves vinda de São Paulo, de onde suspeita-se que tenha vindo animais contaminados, somente mediante apresentação se sorologia. A doença não é uma zoonoze, ou seja, não atinge o homem, mas está na lista B de doenças o que significa que impõe barreiras comerciais ao produto, o terceiro principal na balança comercial do Estado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Dólar fecha em queda com foco no Fed e aposentadoria dos militares
CRIME AMBIENTAL
Desmatamento gera multa de R$ 41 mil a produtor rural
IBOPE
Aprovação do governo Bolsonaro cai 15 pontos e chega a 34%
TEMPO
Caarapó é castigada com mais de 70 mm de chuva
TJMS
Juiz da infância de Dourados é promovido a desembargador do TJ
TRAGÉDIA
Brumadinho: total de mortes confirmadas sobe para 209
FUTEBOL DE MS
Primeira fase do Estadual termina sem troca de técnicos
DOURADOS
Defesa Civil mantém alerta com “chuvarada” que deve continuar na região
RESSOCIALIZAÇÃO
Artesã ensina detentas a confeccionar bonecas de pano
BRASIL
Aneel diz que pagamento de empréstimos reduzirá tarifa de energia

Mais Lidas

PREJUÍZO
Chuva forte derruba árvores e deixa ruas alagadas em Dourados
DOURADOS
Pai e madrasta de criança morta por agressão vão a júri popular
FRONTEIRA
Homem é executado enquanto tomava tereré na frente de açougue
IMPETUS
“Central de inteligência” do PCC que planejava matar servidores de MS é desarticulada na PED