Menu
Busca quarta, 22 de janeiro de 2020
(67) 9860-3221

Fórum aprova propostas ambientais para próximo governador

15 agosto 2006 - 06h22

O Fórum de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Mato Grosso do Sul (Formads) se reuniu na última sexta-feira, dia 11 de agosto, na sede da Ecoa em Campo Grande, para discutir propostas para proteção do ambiente que serão encaminhadas aos candidatos ao governo de MS.O objetivo é “não ter surpresas no próximo governo” como ocorreu com as usinas de álcool no Estado. Esta discussão criou uma série de propostas para que o próximo chefe do Estado siga uma política de desenvolvimento sustentável que não agrida o meio ambiente e crie emprego de forma “correta e sustentável”.O fórum é composto de 45 entidades e visa propor políticas públicas que venham ao encontro da sociedade de forma saudável e que melhore a qualidade de vida dos sul-mato-grossenses, além da defesa do meio ambiente.A reunião definiu algumas áreas prioritárias que devem ser trabalhadas: o Zoneamento Ecológico Econômico (ZEE), ou seja, define os tipos de empreendimentos que podem ser feitos nas regiões do estado; o Programa de Recuperação de Micro Bacias; a aplicação das transversalidade da educação ambiental com a devida capacitação dos profissionais da área; desenvolver projetos voltados ao turismo sustentável; aplicação de políticas no sentido de proteger as áreas de recarga do aqüífero guarani; propostas de desenvolvimento para a planície pantaneira com discussão com a sociedade civil (por exemplo, o pólo siderúrgico de Corumbá), a reestruturação imediata da Secretaria Estadual de Meio Ambiente e da Polícia Militar Ambiental, o fortalecimento da gestão ambiental nos municípios do estado, o programa de incentivo a projetos sócio-ambientais e, por fim, rediscutir a política de pesca do estado.“Estas propostas vem ao encontro de toda a população que se encontra ainda preocupada com o antigo projeto do executivo no projeto das usinas”, destaca Haroldo Borralho, membro do Fórum. E completa “não queremos ser surpreendidos com projetos impactantes ao meio ambiente e que traga problemas ao mesmo, assim estamos anticipando as políticas a serem tomadas. Estamos abertos a discutir e contribuir com o próximo governo desde que sejamos convidados”.As proposições serão encaminhadas a todos os candidatos por meio de audiências com os candidatos a governador. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

Estado abre inscrições para cadastro de profissionais para atuar na educação profissional
COMÉRCIO
CNC: intenção de consumo das famílias tem melhor janeiro desde 2015
MS
Pesca na piracema rende multa de R$ 2,5 mil para homens flagrados pela PMA
BRASIL
Ministério aponta mais de 1,8 milhão de inscrições no primeiro dia de Sisu
DOURADOS
Polícia descobre entreposto do tráfico no Piratininga e homem é preso
Agronegócio
O Showtec reunirá as maiores empresas e os lançamentos mais importantes para o Agro nacional
DOURADOS
Produtores rurais exibem vídeos à Força Nacional e relatam clima de guerra
ECONOMIA
Confiança da indústria cresce 1,1 ponto na prévia de janeiro
STJ
Negada liberdade a torcedor do Fluminense acusado de agressão que resultou em morte de vascaíno
ASSEMBLEIA LEGISLATIVA
Em primeiro ano de mandato, Marçal cria leis de impacto estadual

Mais Lidas

UFGD
Aluna branca aprovada em Medicina como indígena aponta engano na inscrição
EMPREGO
Empresa abre 136 vagas para classificadores de grãos em Dourados e região
POLÍCIA
Mulheres são presas com malas ‘recheadas’ de maconha no Jardim Santo André
POLÍCIA
Participante de fuga em massa no Paraguai é recapturado em MS