Menu
Busca quinta, 17 de outubro de 2019
(67) 9860-3221

Filho de Wanderlei Cabeludo será enterrado daqui a pouco

13 agosto 2002 - 10h07

O sepultamento do menor Leandro Pizano de Matos, de 11 anos, uma das vítimas do grave acidente que matou carbonizadas cinco pessoas, ontem pela manhã na rodovia BR-163, entre Nova Alvorada do Sul e o distrito de Anhanduí, em Campo Grande, será realizado dentro de instantes em Fátima do Sul. Leandro é filho do ex-vereador de Fátima do Sul, Wanderlei Silva Matos, o Wanderlei Cabeludo, que concorre nestas eleições a deputado federal pelo PMDB. Durante toda a noite de ontem, foi intenso o movimento de pessoas no velório, ocorrido na igreja Batista de Fátima do Sul. Juntamente com ele, morreram no acidente o coordenador da campanha de Cabeludo, José de Jesus Souza Barros, a mulher dele Enizete e os dois filhos do casal, Carolina, de quatro anos e José Vitor, de um ano e oito meses.
Os outros quatro mortos no acidente de ontem serão sepultados em Glória de Dourados.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Polícia investiga morte de bebê logo após parto em Dourados
CEARÁ
Sobe para cinco o número de morto no desabamento de Fortaleza
TEMPORAL
Vendaval destelharam cerca de 50 casas em Ribas do Rio Pardo
APROVADOS
Agepen publica quadro de vagas para lotação de agentes penitenciários
MIRANDA
Ambiental recolhe filhote de cateto em sede de propriedade rural
PLANALTO
Carlos Bolsonaro pede desculpas por fazer post no Twitter do pai
GUIA LOPES
Após morte de criança por overdose, ação da polícia prende sete
SOLIDARIEDADE
Família faz vaquinha para tratamento de menina com síndrome rara
FUTEBOL
Final da Libertadores de 2020 será no estádio do Maracanã
JARDIM
Mulher é agredida com golpes de capacete e esfaqueada pelo marido

Mais Lidas

DOURADOS
Ciclista morre no HV após ser atropelado por ônibus
POLÍCIA
Irmãos são detidos após polícia encontrar droga no Jardim Flórida
DOURADOS
UPA passa a atender apenas casos de urgência e emergência
EXPULSÃO
Chefão do narcotráfico é entregue à Polícia Federal brasileira