Menu
Busca quarta, 26 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Estudo aponta que fazenda está em território Guarani

23 dezembro 2003 - 13h38

Estudo feito pelo antropólogo Fábio Moura aponta que a área onde está a fazenda Agrolac, em Iguatemi, pertence a índios Guarani. Atualmente, cerca de mil indígenas vivem em 1,6 mil hectares na aldeia Porto Lindo. Os levantamentos sugerem a ampliação do território para 9,4 mil hectares. Segundo Cleomar Vaz Machado, chefe de patrimônio indígena e meio ambiente da Funai (Fundação Nacional do Índio) em Amambai, o órgão em Brasília solicitou algumas alterações no levantamento, que retornou às mãos do antropólogo. A nova análise ainda não tem data para ser concluída. De ontem para hoje, os indígenas ocuparam a fazenda Agrolac, tomando inclusive a sede da propriedade. Machado está se dirigindo ao local, em mais uma tentativa de garantir a desocupação pacífica.“Os índios reclamam falta de apoio da Funai, mas devem entender que precisamos atuar pelos meios legais”, comenta Machado, que se diz preocupado com os ânimos exaltados dos indígenas na localidade.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ITAHUM
Pesticida apreendido em Dourados pesou quase 2 toneladas
OUSADIA
Ladrões invadem casa em bairro da Capital e roubam de revólver a SW4
QUARTA-FEIRA DE CINZAS
Douradenses fazem filas em agências bancárias após Carnaval
CLIMA
Defesa Civil emite alerta de chuvas e ventos fortes para quase 40 municípios de MS
EDUCAÇÃO
UEMS publica a terceira Chamada da Lista de Espera do Sisu
PONTA PORÃ
Fugindo da polícia, assaltantes cruzam fronteira e um morre
DOURADOS
Cadastro de biometria pode ser feito aos sábados a partir deste fim de semana
ITAHUM
Motorista é preso em Dourados com carga de pesticida contrabandeado
POLÍTICA
Bolsonaro é criticado após divulgar vídeo com chamado para manifestação
CAPITAL
Policial é ferido com caco de vidro no pescoço ao dispersar foliões

Mais Lidas

DOURADOS
Ex-prefeito de Amambai não resiste e morre no Hospital do Coração
MULTIDÃO
Carnaval na praça central de Dourados termina em ‘confusão e sujeira’
ATENTADO
Aeronave pousa em Dourados e fica a disposição de Lanzarini
DOURADOS
Mulher tenta sair de mercado com quase R$ 700 em compras sem pagar