Menu
Busca sábado, 22 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Estadualização das BRs: patrulheiros defendem permanência

10 dezembro 2003 - 12h07

Os policiais rodoviários federais da Base Operacional de Dourados reafirmarão hoje à noite, diante do secretário Dagoberto Nogueira Filho, de Justiça e Segurança Pública, o descontentamento com a transferência da fiscalização das rodovias federais para o Governo de Mato Grosso do Sul.Temos serviços prestados e somos reconhecidos pelo nosso empenho em apreensões recordes de drogas e no combate ao contrabando de toda espécie"", ponderou Marcos Pereira, representante local da Associação Nacional dos Policias Rodoviários Federais, repetindo argumento exposto ao secretário durante o simpósio realizado pelo Sinjorgran (Sindicato dos Jornalistas Profissionáis da Grande Dourados). ""Queremos continuar contribuindo com nossa experiência para a segurança da região"", disse Pereira.O representante dos agentes informou que eles desejam a permanência da fiscalização e dos postos de controle sob jurisdição da PRF. Segundo ele atualmente cerca de 35 agentes se revezam na fiscalização.(Rozembergue Marques)

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Cuidadora é presa após assalto que terminou em morte de médico de 93 anos
TST
Petroleiros fecham acordo com a Petrobras e encerram greve de 20 dias
JARDIM
Armado, homem ameaçava enteada de 8 anos para estuprá-la
UEMS
Mestrado Profissional em Ensino em Saúde abre inscrições em Dourados
ECONOMIA
Associações pedem que Reinaldo revogue aumento do ICMS da gasolina
CAMPO GRANDE
Mulher é presa após xingar idoso e bater na vizinha com mangueira
BATAYPORÃ
Chuva de 90 milímetros coloca cidade de MS em situação de emergência
FOLGA
Bolsonaro passa o carnaval em unidade do Exército no Guarujá
CAPITAL
Major da PM que matou ex-namorado foi agredida e ficou em cárcere
ECONOMIA
Projeto Maracujá Agroecológico começa a dar resultado a produtores

Mais Lidas

DOURADOS
Mulher ameaça se jogar de torre no Jardim Guaicurus
DOURADOS
Júri termina com réu condenado a 15 anos por matar desafeto em 2018
DOURADOS
Fechamento e promoções levam multidão a fazer fila em hipermercado
DOURADOS
Polícia vai ao Guaicurus e prende condenado por pedofilia