Menu
Busca terça, 25 de junho de 2019
(67) 9860-3221
PAULISTÃO

São Paulo e Palmeiras fazem clássido paulista neste sábado

16 março 2019 - 10h30Por Da Redação

Na continuidade da 11ª rodada do Paulistão, o sábado (16) é marcado por dois clássicos. São Paulo e Palmeiras se encontram no estádio do Pacaembu, às 15h30 (MS), enquanto Ponte Preta e Guarani fazem o Dérbi de Campinas, às 18h (MS), com mando alvinegro.

Ambos os confrontos têm caráter decisivo, já que podem definir o futuro das equipes na competição.

O time do Morumbi ocupa a segunda colocação do Grupo D, com 14 pontos, três atrás do Ituano. Além disso, os são-paulinos querem acabar com jejum de 10 anos sem vencer o rival em Estaduais.

Comandante do ataque são-paulino, o atacante Pablo apontou o caminho para buscar conseguir superar o rival. “A gente tem de estar muito concentrado para mudar essa chavinha. Sabemos que a equipe do Palmeiras tem uma qualidade incrível, a nossa também tem, e vamos fazer de tudo para vencer a partida”, disse o camisa 12.

Do outro lado, o Palmeiras quer confirmar a classificação às quartas de final com uma rodada de antecedência. “A gente está vivendo um bom momento. O São Paulo tem uns 15 ou 20 dias que trocou de treinador, está tentando mudar o elenco novamente. Temos de aproveitar essa instabilidade do adversário, mas respeitando pela grandeza da equipe, por ter a torcida a favor e por estar buscando a classificação. Vai ser um grande jogo”, afirmou o lateral direito Marcos Rocha.

Ponte Preta x Guarani

Ponte Preta e Guarani jogam no estádio Moisés Lucarelli. Apesar de já matematicamente não ter chances de classificação, os alvinegros querem complicar a vida do rival.

“Pilhar é foco no trabalho, raça, entrega, vontade. É faca nos dentes, ir como se fosse para uma guerra. Não é uma guerra, porque é um adversário profissional e que merece ser respeitado. Dentro da entrega, da vontade, tem que ter equilíbrio para estar bem organizado taticamente, o equilíbrio emocional é fundamental. E tem a vantagem de estarmos em casa. Temos que tirar proveito disso”, disse o técnico Jorginho.

Já os bugrinos precisam da vitória para ter chances de avançar às quartas de final, já que estão a cinco pontos de distância de Palmeiras e Novorizontino, primeiro e segundo colocados, respectivamente.

“A gente procurou, dentro do nosso vestiário, entender a importância que isso tem dentro do campeonato para o Guarani, dentro da cidade para a torcida bugrina. Mas tentamos trabalhar com a consciência maior do que a emoção. Temos que tentar controlar um pouco mais, sabendo de tudo isso que eu falei, mas com muita consciência. É um jogo para se ter consciência e jogar com inteligência”, enfatizou o técnico Osmar Loss.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZZ
Mariana Ximenes relaxa no mar e deseja boa semana para os fãs
COSTA RICA
Polícia prende mãe que matou bebê de 1 anos ao jogá-la na parede
PRAÇA ANTONIO JOÃO
Prefeitura promove ação para recolher lixo eletrônico em Dourados
MEIO AMBIENTE
Pecuarista é multado em R$ 3,3 mil por exploração ilegal de madeira
POLÍTICA
Bolsonaro diz que vai vetar lista tríplice para agências reguladoras
NOVA ALVORADA
Fogo destrói caminhonete que trafegava pela rodovia BR-163
UEMS
Inscrições em Programa de Assistência Estudantil terminam 4ª-feira
DOURADOS
Casal de Minas Gerais é preso transportando skank em veículo
LOTERIA
Confira as dezenas sorteadas na Quina de São João
POLÍTICA ENERGÉTICA
Governo aprova resolução para abrir mercado e tentar reduzir preço do gás

Mais Lidas

CAPITAL
Pai atira no próprio filho por dívida de R$ 2 milhões
POLÍCIA
Gangue invade festa e esfaqueia três adolescentes em Dourados
POLÍCIA
Homem tem R$ 500 roubados após negar programa a travesti em Dourados
POLÍCIA
Ladrão é preso após esconder TV furtada de restaurante em cemitério