Menu
Busca terça, 26 de maio de 2020
(67) 99659-5905
VÔLEI

Atletas de MS ficam com título geral feminino do Brasileiro Sub-21

07 outubro 2019 - 12h20Por Da Redação

O Circuito Brasileiro Sub-21 de 2019 terminou neste domingo (06.10), com a decisão da quarta e última etapa da temporada, em Manaus (AM), na arena montada na praia da Ponta Negra. As duplas Rafael/Renato (PB) e Vitoria/Maria Clara (RJ) ficaram com o título da etapa. A Paraíba terminou na primeira colocação geral – somando pontos das quatro etapas – do naipe masculino, enquanto o Mato Grosso do Sul ficou com o título geral no feminino.

Na decisão do torneio masculino, Rafael e Renato (PB), campeões mundiais Sub-21 neste ano, superara Matheus/André Danilo (SE) por 2 sets a 1 (21/10, 18/21, 15/12), em 55 minutos. Além do ouro da etapa manauara, a vitória valeu o título geral da temporada, já que os dois estados estavam empatados com 520 pontos no ranking geral.

A primeira colocação rende 200 pontos (20 a mais do que a prata) e comemoração dupla aos gêmeos paraibanos. A campanha de Rafael e Renato em Manaus (AM) contou com cinco vitórias em cinco jogos e apenas um set perdido.

A medalha de bronze em Manaus (AM) ficou com Eduardo e Gabriel (PR), que venceram Johann/Lippi (RJ) por 2 sets a 0 (21/15, 21/15), em 40 minutos, completando o pódio. O Paraná terminou na terceira colocação do ranking geral, com 660 pontos.

No naipe feminino, ouro para Vitoria/Maria Clara (RJ), que superaram na final Anna/Fernanda (BA) por 2 sets a 0 (21/17, 21/10), em 35 minutos.

O bronze na etapa ficou com Carol e Aninha (MS), vencendo Aline/Lorena (AM) por 2 sets a 0 (22/20, 21/16), em 56 minutos. O resultado deu o título geral para a dupla do Mato Grosso do Sul, que terminou as quatro etapas com 760 pontos. O Rio de Janeiro ficou em segundo, somando 680 pontos.

Maria Clara e Vitoria venceram os cinco jogos que disputaram, perdendo apenas um set em todo o final de semana em Manaus. Estreando no Sub-21, Maria Clara Richa, que também joga vôlei de quadra, comentou a alegria por vencer pela primeira vez, tendo menos de um ano na modalidade, e elogiou a parceira, campeã mundial de base neste ano.

“Estou muito feliz, é um desafio novo, todos os dias tenho que melhorar algo, evoluir algum aspecto. Nesta última etapa tive a Vitoria como parceira, ela é fora da curva, foi campeã mundial Sub-21 neste ano, me deu força o tempo todo. É jovem, mas tem experiência já por rodar o Circuito Brasileiro Open. Ano que vem ainda estou dentro da categoria, vou buscar crescer ainda mais. Fico feliz e vou trabalhar para alcançar voos maiores”, disse.

Assim como ocorre no Circuito Brasileiro de vôlei de praia Sub-17 e Sub-19, o Sub-21 é um campeonato de seleções estaduais, com duplas representando a mesma federação. Cada estado indica suas delegações nos dois gêneros em busca do título, podendo alterar os times durante a temporada, mas sempre formando duplas do mesmo estado.

Neste ano, no Circuito Brasileiro Sub-19, o Paraná ficou com título no naipe masculino, e Sergipe no naipe feminino. No Circuito Brasileiro Sub-17, novamente título para o Paraná no masculino, com o Rio de Janeiro vencendo no feminino.

A competição de base do vôlei de praia brasileiro revelou diversos atletas que foram campeões e posteriormente se tornariam olímpicos como Bruno Schmidt (DF), Pedro Solberg (RJ), Bárbara Seixas (RJ), Juliana (CE) e Maria Elisa (RJ).

Deixe seu Comentário

Leia Também

AMAMBAI
Após denúncia de disparo em via pública, homem é preso por porte ilegal de arma
PANDEMIA
Em MS, pacientes internados por coronavírus dobram em 15 dias
DOURADOS
Uso obrigatório de máscara é aprovado com multa de R$ 30 só após segunda notificação
BATAYPORÃ
Dois são presos após tentar matar jovem a pauladas
CORONEL SAPUCAIA
Jovem é flagrado transportando 90 kg de maconha
LEGISLATIVO
Cinco matérias estão pautadas para votação na Ordem do Dia desta terça-feira
AGRESSÃO
Inquilino leva golpe de facão durante conversa com dono de imóvel
DOURADOS
TJ manda Câmara pagar R$ 82 mil para suplente presa dois meses após posse
ESTUDO
MS registra redução de 1.871 crimes no 1º quadrimestre de 2020
UFGD
Editora prorroga prazo de envio de propostas para publicação de livros

Mais Lidas

DOURADOS
Prefeitura estende toque de recolher em 2h em Dourados
PANDEMIA
Dourados tem mais de 150 casos de Covid-19 e secretário diz ser assustadora a crescente na região
PANDEMIA
Dois meses após decreto de emergência, Dourados confirmou 127 casos de Covid-19
PANDEMIA
Número de pacientes internados por coronavírus em Dourados sobe 50% em 24h