Menu
Busca quinta, 27 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Equipes de resgate encontram 330 corpos na Indonésia

29 março 2005 - 10h41

Equipes de resgate encontraram nesta terça-feira 330 corpos na ilha de Nias, uma das mais atingidas pelo terremoto de 8,7 graus que afetou a Indonésia nesta segunda-feira. A ONU (Organização das Nações Unidas) já enviou ajuda para a região. Segundo o vice-presidente indonésio, Jusuf Kalla, estimativas prévias baseadas na destruição dos prédios nos locais atingidos pelo terremoto apontam que entre mil e 2.000 pessoas morreram.
Agências humanitárias estimam que cerca de 10 mil pessoas moram próximas ao epicentro do tremor. Segundo o jornal "The Jakarta Post", ao menos 80% da infra-estrutura da cidade de Gunung Sitoli, a maior da ilha de Nias, foi destruída pelo terremoto.
Há muitos danos materiais na segunda segunda mais populosa cidade, Teluk Dalam, mas autoridades ainda não mensuraram o tamanho da destruição. A agência de notícias Associated Press informou que cerca de mil pessoas estão em um campo de futebol de Teluk Dalam, usado agora para abrigar refugiados, mas ainda não há confirmação oficial do número de desabrigados.
Em Gunung Sitoli, pessoas procuravam na manhã desta terça-feira por sobreviventes em meio aos escombros. Há focos de incêndio em vários locais. O tremor foi rgistrado a cerca de 200 quilômetros da cidade de Sibolga, às 23h09 [13h09 de Brasília], e durou cerca de três minutos.

Deixe seu Comentário

Leia Também

LUTO
Técnico Valdir Espinosa morre no Rio de Janeiro
EDUCAÇÃO
Termine seus estudos com o EMFA
NEGÓCIOS & CIA
Por que você não consegue ter resultado nas suas vendas?
Educação
Curso de Especialização - Lato Sensu em Docência na Educação Superior da Universidade Mackenzie no polo da Erasmo Braga
CORONAVÍRUS
China espera ter epidemia sob controle no fim de abril
EXAME
Resultado da primeira suspeita de coronavírus em MS deve sair ainda pela manhã
ECONOMIA
Refis: empresas ainda tem superdescontos para regularizar débitos do ICMS
UFGD
Projeto Chá com Drama inscreve novos participantes até 2 de março
HARRISON DE FIGUEIREDO
Preso com revólver, homem disse ter se armado contra ameaças de rival
ALERTA
Saúde tem seis casos monitorados por suspeita do novo coronavírus em MS

Mais Lidas

MULTIDÃO
Carnaval na praça central de Dourados termina em ‘confusão e sujeira’
DOURADOS
Mulher tenta sair de mercado com quase R$ 700 em compras sem pagar
INVESTIGAÇÃO
Ex-prefeito de Amambai foi morto após discussão por desacordo trabalhista
PONTA PORÃ
Estado monitora caso suspeito de Coronavírus na fronteira