Menu
Busca quarta, 26 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Empresas com dividas federais já podem fazer parcelamento

14 agosto 2006 - 06h39

A partir de hoje, dia 14 de agosto, as empresas em dívida com a União podem aderir ao novo programa de parcelamento, instituído pela Medida Provisória (MP) 303. A adesão só pode ser feita pela internet, nas páginas da Receita Federal (wwww.receita.fazenda.gov.Br) ou da Procuradoria Geral da Fazenda Nacional (www.pgfn.fazenda.gov.br)Contribuintes com débitos vencidos até 28 de fevereiro de 2003 podem dividir o valor em até 130 meses. A parcela mínima será de R$ 200, se a empresa fizer parte do Simples (sistema simplificado de cobrança de impostos), ou de R$ 2.000 para as demais empresas.Quem contraiu dívidas entre 1º de março de 2003 e 31 de dezembro de 2005 pode dividir em até 120 meses. A parcela mínima para quem fizer essa opção é de R$ 200 por tributo parcelado. A MP também oferece a possibilidade de realizar o pagamento à vista ou em seis vezes para quem tem débitos vencidos até 28 de fevereiro de 2003. Para essa modalidade é oferecida redução de 80% do valor das multas e de 30% dos juros.Para o contribuinte que for dividir os débitos em seis meses, o prazo começa no dia 1º de setembro.O pagamento da primeira parcela deve ser feito até o último dia útil do mês em que o contribuinte aderir ao parcelamento. No entanto, caso a empresa faça o pedido no mês que vem, a parcela deverá ser quitada até dia 15 de setembro, quando se encerra o prazo de adesão.O contrato será suspenso caso o contribuinte rescinda qualquer outro parcelamento que mantenha simultaneamente ao atual. Também deixará de valer o parcelamento em que houver falta de pagamento de duas prestações.  As prestações serão atualizadas pela Taxa de Juros de Longo Pazo (TJLP). Para débitos vencidos entre 1° de março de 2003 e 31 de dezembro de 2005, a única opção dada é o parcelamento em até 120 meses. Não há previsão de redução de multa ou juros para esta modalidade.

Deixe seu Comentário

Leia Também

COTAÇÃO
Dólar fecha a R$ 4,44 e renova patamar recorde
SETE QUEDAS
Homem é preso com arma de fogo e munições em área rural
SUJEITO A PUNIÇÃO
Estados e municípios têm até domingo para informar gastos com saúde
UFGD
Universidade abre inscrições para aulas gratuitas de zumba
BRASIL
Viradouro é a escola campeã do carnaval no Rio de Janeiro
LOTERIAS
Sorteio da Mega de amanhã vai pagar 3º maior prêmio regular da história
MANDADO
Polícia prende foragido da Justiça durante a operação na fronteira
MATO GROSSO DO SUL
Suspeito de ter contraído coronavírus divulgou viagem nas redes sociais
CRIMES AMBIENTAIS
Multas aplicadas durante Carnaval 2020 é quatro vezes maior que no último ano
CORUMBÁ
Homem é preso com faca após ser flagrado pela mulher na cama com amante

Mais Lidas

DOURADOS
Ex-prefeito de Amambai não resiste e morre no Hospital do Coração
MULTIDÃO
Carnaval na praça central de Dourados termina em ‘confusão e sujeira’
ATENTADO
Aeronave pousa em Dourados e fica a disposição de Lanzarini
DOURADOS
Mulher tenta sair de mercado com quase R$ 700 em compras sem pagar