Menu
Busca quinta, 12 de dezembro de 2019
(67) 9860-3221
JUDICIÁRIO

Vítima de agressões de ex-marido será indenizada por danos morais

18 julho 2019 - 20h20Por Da redação

Sentença proferida na 14ª Vara Cível de Campo Grande julgou parcialmente procedente ação movida por ex-mulher contra ex-companheiro, condenado ao pagamento de R$ 15.000,00 de danos morais em razão de agressões físicas e verbais contra ela. 

Alega a autora que vivia em união estável com o réu e que, no dia 23 de março de 2013, foi agredida verbalmente e fisicamente por ele, sofrendo diversas lesões. Sustenta que, em razão dos fatos, sofreu danos morais e materiais. 

Narra que logo após o ocorrido, o réu fugiu com o automóvel de sua propriedade, causando danos na suspensão e quebra do câmbio no valor de R$ 1.791,00, pelos quais deve ser ressarcida. Alega ainda que teve prejuízos com tratamento médico e pede a condenação do réu por danos morais e materiais. 

Em contestação, o réu alegou que os danos materiais não foram comprovados, como também que não estão presentes os requisitos ensejadores da responsabilização civil.

O juiz José de Andrade Neto, analisando detidamente o depoimento colhido em audiência, verificou que o requerido praticou repugnante ato ilícito, ao proferir agressões verbais e físicas em desfavor da requerente, tendo causado a esta sensível dano moral, que deve ser indenizado. 

De acordo com o processo, o réu não negou os fatos, apenas limitou-se a argumentar que não estariam presentes os requisitos para a configuração da responsabilização civil. 

Assim, entendeu o juiz que as agressões verbais e físicas praticadas pelo réu em desfavor da autora, pessoa do sexo feminino, portanto, significativamente mais frágil fisicamente, certamente acarretaram a esta uma elevada dor e vergonha, atingindo-lhe a honra, a moral, a paz de espírito e a tranquilidade, sendo desnecessária a prova de tais fatos.

Todavia, o juiz negou o pedido de danos materiais, pois a autora não apresentou provas dos danos alegados como, por exemplo, comprovantes do suposto conserto do veículo e de tratamento médico-psicológico. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Homem é preso após espancar a filha
O Balaio
Feira com 150 microempreendedores será realizada domingo em Dourados
BRASIL
AGU vai recorrer da decisão que autoriza uso de radar em rodovias
ECONOMIA
Governo vai instalar núcleo industrial em Jaraguari
AQUIDAUANA
Juiz realiza audiência com auxílio de tradutor da língua terena
ECONOMIA
Receita faz nova operação de malha fina em empresas
CORUMBÁ
Petrechos são apreendidos na região do Porto Geral
TRIBUNAL DO JURI
Dourados teve 11 julgamentos foram realizados no Mês Nacional do Júri
ARTIGO
A Reforma da Previdência e a aposentadoria
IMUNIZAÇÃO
Saúde amplia público para vacinas contra febre amarela e gripe

Mais Lidas

CAARAPÓ
Homem é assassinado a golpes de faca após discussão em bar
DOURADOS
Inteligência da PM prende dois por tráfico no bairro Estrela Tovi
GRANDE DOURADOS
Quadrilha especializada em roubo de caminhonetes é desarticulada e seis são presos
FURTO
Polícia recupera objetos e fecha ponto de receptação em Dourados