Menu
Busca segunda, 18 de fevereiro de 2019
(67) 9860-3221
COMÉRCIO EXTERIOR

Três portos concentram as exportações do Estado

08 junho 2015 - 10h03

Os portos de Santos, em São Paulo, Paranaguá, no Paraná e São Francisco do Sul, em Santa Catarina, concentram juntos 61,87% do volume exportado por Mato Grosso do Sul no acumulado de janeiro a maio de 2015, com embarques de 3,521 milhões de toneladas, de um total de 5,690 milhões de toneladas de mercadorias vendidas pelo estado no mercado internacional. Os dados são do Sistema de Análise das Informações de Comércio Exterior via Web (Aliceweb), do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (Mdic).

Em receita, a participação dos três portos é ainda mais expressiva para o comércio exterior sul-mato-grossense. Dos US$ 1,833 bilhão obtidos com as vendas internacionais, US$ 1,657 bilhão, o equivalente a 90,36% vieram de produtos embarcados nos terminais paulista, paranaense e catarinente.
Tanto em volume quanto em receita, a liderança no ranking de embarques de produtos de Mato Grosso do Sul foi ocupada nestes cinco primeiros meses de 2015 pelo porto de Santos. Por seus terminais foram exportados 1,502 milhão de toneladas de mercadorias do estado, representando uma movimentação financeira de US$ 675,244 milhões.

Os principais produtos “Made in MS” exportados pelo porto paulista foram: a celulose, a soja e o açúcar. Santos, inclusive, foi neste período a principal rota de saída da celulose sul-mato-grossense. Das 918,877 mil toneladas do produto vendidas pelas empresas do estado para o mercado internacional, 836,154 mil toneladas, 90,99% do total foram embarcadas por seus terminais.

Depois aparece na listagem o porto de Paranaguá. Pelos terminais paranaenses foram embarcadas 1,237 milhão de toneladas de mercadorias sul-mato-grossenses, com uma receita de US$ 600,284 milhões. Os itens mais exportados foram a soja, o açúcar e os pedaços e miudezas congelados e comestíveis de galos e galinhas.

É por este porto do Paraná, conforme o Mdic, que entre janeiro e maio de 2015 foi embarcada a maior quantidade do açúcar sul-mato-grossense vendido para outros países, 66,18%, o que representa 287,735 mil toneladas de um total de 434,723 mil toneladas exportada pelo estado.

Em terceiro na listagem de maior movimentação de cargas de Mato Grosso do Sul com destino ao mercado internacional vem o porto de São Francisco do Sul, em Santa Catarina, com 780,991 mil toneladas e faturamento de US$ 381,642 milhões. Os principais produtos exportados foram a soja, a carne desossada e congelada de bovinos e o milho em grãos.

Os terminais catarinenses do porto foram as principais vias de exportação de soja do estado, com 597,936 mil toneladas, 40,21% das 1,486 milhão de toneladas embarcadas pelo estado entre janeiro e abril deste ano, e também de carne bovina desossada e congelada, com 20,089 mil toneladas, 55,87% das 35,957 mil toneladas encaminhadas ao mercado internacional.



Deixe seu Comentário

Leia Também

PONTA PORÃ
Dono de bar é assassinado com dez tiros de pistola na fronteira
LUTO
Maior sanfoneiro do Brasil, Dino Rocha morre na Capital
CAMPO GRANDE
Homem morre após colisão entre motocicleta e bicicleta
ECONOMIA
Beneficiários de programas sociais tem conta de luz com tarifa reduzida
DOURADOS
Mais de 23 mil alunos da Reme voltam às aulas nesta segunda
TRÊS LAGOAS
Polícia Federal prende seis e apreende quase uma tonelada de cocaína
INFORME PUBLICITÁRIO
Altas temperaturas elevaram consumo de energia em MS
TEMPO
Segunda-feira de sol com aumento de nebulosidade em Dourados
SHOWBIZZ
Isis Valverde completa 32 anos, posa de biquíni e filosofa na web
CICLISMO
Bonito Cross fecha primeira edição com Mountain Bike e Duathlon

Mais Lidas

DOURADOS
Após denúncia anônima, Polícia fecha “boca de fumo” no jardim Itália
POLÍCIA
Para defender a mãe de agressão, adolescente mata padrasto a tiros
Homem é assassinado a tiros de pistola na região de fronteira
TRÁFICO
Homem de 27 anos é preso com 185 quilos de maconha em residência