Menu
Busca quinta, 23 de maio de 2019
(67) 9860-3221
MAIS CARO

Petrobras aprova reajustes de 2,3% na gasolina e de 1,9% para diesel

07 novembro 2017 - 06h35Por G 1

A Petrobras autorizou nesta segunda-feira, dia 06 de novembro, alta de 2,3% para a gasolina e aumento de 1,9% para o diesel nas suas refinarias. O reajuste passa a vigorar a partir desta terça-feira (7), devido principalmente ao aumento das cotações dos produtos e do petróleo no mercado internacional, informou a empresa em nota à imprensa.

A decisão foi tomada pelo Grupo Executivo de Mercado e Preços (GEMP), que antecipa suas reuniões periódicas quando o reajuste dos combustíveis varia mais de 7% para cima ou para baixo no período aproximado de um mês.

Em um mês, o preço da gasolina nas refinarias já acumula aumento de mais de 9%. Em novembro, há elevação de 6,6%, após alta também de 6,6% em outubro.

O reajuste se refere aos preços para as refinarias. O repasse ou não do aumento para o consumidor final depende dos postos de combustíveis. Na semana passada, o valor dos combustíveis nas bombas voltou a subir, segundo dados da Agência Nacional do Petróleo (ANP).

Motivos do aumento
 

"O reajuste foi causado principalmente pelo aumento das cotações dos produtos e do petróleo no mercado exterior, influenciado pela geopolítica internacional, assim como pela continuidade da política de contenção da oferta pela Organização dos Países Produtores de Petróleo (Opep)", disse a Petrobras.

Além disso, verificou-se uma depreciação do valor do real frente ao dólar, acrescentou a empresa.
A avaliação dos representantes do GEMP é que a política de preços definida pela Petrobras, de reajustes quase que diários pela área técnica, tem sido capaz de garantir a aderência dos preços praticados pela companhia às volatilidades dos mercados de derivados e ao câmbio.

Com os ajustes definidos hoje, a área de marketing e comercialização da Petrobras volta a contar com uma faixa de -7% a +7% para operar os movimentos de preços necessários ao longo do mês.

"Caso este limite seja novamente ultrapassado, o GEMP realizará novas reuniões ao longo do período."

Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZZ
Kelly Key relembra baixa autoestima após gravidez: "Não me achava bonita"
NOVA ANDRADINA
Ciclista morre após ter a cabeça esmagada por carreta
PRAZO
Justiça determina que Bolsonaro indenize Maria do Rosário em 15 dias
CAPITAL
Outros 2 guardas municipais são presos em investigação sobre arsenal
RIO DE JANEIRO
Tribunal decide libertar os militares que fuzilaram carro de músico
CONTRABANDO
Após perseguição, Polícia apreende 7,5 mil pacotes de cigarros
POLÍTICA
Bolsonaro volta a defender mudanças na CNH e fim dos radares
CAMPO GRANDE
Jovem grávida é agredida, desmaia e acorda sendo estuprada
UNIGRAN
Jornada de Psicologia vai abordar trajetos e conquistas em 20 anos de história
MEIO AMBIENTE
Conciliação: danos ao Rio da Prata serão reparados por responsáveis

Mais Lidas

POLÍCIA
Após pescaria, marido encontra desconhecido na frente de casa e ameaça mulher com arma em Dourados
DOURADOS
Preso em operação estava sob monitoramento por assalto
PEDRO JUAN
Três suspeitos de chacina na fronteira são presos pela polícia paraguaia
PEDRO JUAN
Seis morrem e uma criança fica ferida após ataque de pistoleiros na fronteira