Menu
Busca sexta, 23 de fevereiro de 2018
(67) 9860-3221
Clube Indaiá - Janeiro 2018
MAIS CARO

Petrobras aprova reajustes de 2,3% na gasolina e de 1,9% para diesel

07 novembro 2017 - 06h35Por G 1

A Petrobras autorizou nesta segunda-feira, dia 06 de novembro, alta de 2,3% para a gasolina e aumento de 1,9% para o diesel nas suas refinarias. O reajuste passa a vigorar a partir desta terça-feira (7), devido principalmente ao aumento das cotações dos produtos e do petróleo no mercado internacional, informou a empresa em nota à imprensa.

A decisão foi tomada pelo Grupo Executivo de Mercado e Preços (GEMP), que antecipa suas reuniões periódicas quando o reajuste dos combustíveis varia mais de 7% para cima ou para baixo no período aproximado de um mês.

Em um mês, o preço da gasolina nas refinarias já acumula aumento de mais de 9%. Em novembro, há elevação de 6,6%, após alta também de 6,6% em outubro.

O reajuste se refere aos preços para as refinarias. O repasse ou não do aumento para o consumidor final depende dos postos de combustíveis. Na semana passada, o valor dos combustíveis nas bombas voltou a subir, segundo dados da Agência Nacional do Petróleo (ANP).

Motivos do aumento
 

"O reajuste foi causado principalmente pelo aumento das cotações dos produtos e do petróleo no mercado exterior, influenciado pela geopolítica internacional, assim como pela continuidade da política de contenção da oferta pela Organização dos Países Produtores de Petróleo (Opep)", disse a Petrobras.

Além disso, verificou-se uma depreciação do valor do real frente ao dólar, acrescentou a empresa.
A avaliação dos representantes do GEMP é que a política de preços definida pela Petrobras, de reajustes quase que diários pela área técnica, tem sido capaz de garantir a aderência dos preços praticados pela companhia às volatilidades dos mercados de derivados e ao câmbio.

Com os ajustes definidos hoje, a área de marketing e comercialização da Petrobras volta a contar com uma faixa de -7% a +7% para operar os movimentos de preços necessários ao longo do mês.

"Caso este limite seja novamente ultrapassado, o GEMP realizará novas reuniões ao longo do período."

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Dólar fecha em queda, mas acumula alta na semana
ERRO
Diário Oficial traz convocação de três “fulanos”
DOURADOS
Para coordenador da Funai, afirmação de Bolsonaro “incita ódio e não ajuda em nada”
INDÁPOLIS/LAGOA BONITA
Após acidentes, polícia deve reforçar fiscalização na MS-276
LOTERIA
Mega-Sena pode pagar R$ 6,2 milhões amanhã
AGENDA
Governador participa de ação do Programa Vale Renda neste sábado
MS-276
Idoso morre atropelado ao tentar atravessar rodovia
PONTA PORÃ/DOURADOS
Dupla é presa com mais de 100kg de maconha na BR-463
CAMPO GRANDE
Funcionário morre em pátio de cargas de aeroporto após passar mal
DOURADOS
Semaf divulga lista de selecionados para “Projeto Peixe”

Mais Lidas

MS-276
Homem morre em acidente entre Indápolis e Lagoa Bonita
DOURADOS
Fundadora de creche vai à polícia após denúncia de agressão
DOURADOS
Mulher é baleada durante assalto na avenida Indaiá
AVENIDA INDAIÁ
Baleada em assalto em Dourados passa por cirurgia