Menu
Busca sábado, 21 de abril de 2018
(67) 9860-3221
BANNER CORPAL TOPO SITE

Caixa assume carteira de ações de R$ 2 bilhões da BNDESPar

05 janeiro 2013 - 17h40

No apagar das luzes de 2012, a Caixa Econômica Federal assumiu uma carteira de ações de pelo menos R$ 2,08 bilhões que pertencia à BNDESPar, braço de investimentos do BNDES. As informações foram divulgadas nos últimos dias por quatro companhias abertas em comunicados enviados à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Embora os textos não sejam claros sobre o ponto, e o governo ainda não tenha se manifestado a respeito do tema, tudo indica que houve uma triangulação, com o BNDES transferindo a carteira para o Tesouro, que em seguida usou os mesmos ativos para capitalizar a Caixa.

Na maioria dos comunicados - exigidos pela regulamentação da CVM sempre que há movimentação acima de 5 pontos percentuais no capital acionário de uma empresa aberta -, há a informação apenas de que o BNDES alienou um quantidade de ações e que a Caixa passou a ter o mesmo número de papéis no mesmo dia.

No caso da maior transferência, de R$ 1,78 bilhão, de papéis da empresa de alimentos JBS, o texto é mais específico e diz que “as ações foram recebidas [pela Caixa] de seu controlador a título de transferência para aumento de capital”.

Com o negócio, a Caixa passou a ter 10% do capital da JBS e o BNDES manteve uma fatia direta e indireta de 23%.

O banco, que até poucos anos tinha como principal objetivo oferecer crédito habitacional, também virou sócio relevante da mineradora e metalúrgica Paranapanema, com participação acionária de 17%, avaliada em R$ 272 milhões, assumindo a fatia que cabia à BNDESPar.

A Caixa recebeu aporte também ações da Indústrias Romi (R$ 24 milhões) e da Mangels (R$ 4 milhões) que estavam na carteira do BNDES.

Em edição extra do “Diário Oficial da União” de 28 de dezembro, há um decreto dizendo que o governo usaria R$ 5,4 bilhões em ações excedentes ao controle da Petrobras para capitalizar a Caixa. Mas o texto não cita a possibilidade de uso de papéis de outras empresas.

Procurada, a Caixa não retornou pedido de entrevista até a publicação desta matéria. Inclusive para informar se os aportes realizados envolveram ações de mais empresas, além das quatro que divulgaram informações ao mercado. Posteriormente, a instituição divulgou nota à imprensa na qual informa que os aportes “elevaram os limites operacionais da Caixa (Basileia), beneficiando a instituição, ao permitir que ela continue a expandir sua carteira de crédito e cumprir sua missão de agente de políticas públicas e parceira estratégica do Estado Brasileiro”.

Deixe seu Comentário

Leia Também

MS-164
Argentino é preso em MS tentando levar maconha até o Rio de Janeiro
BR-163
Dupla é presa tentando trazer veículos furtados até Dourados
BRASIL
Campanha de vacinação dos povos indígenas começa hoje
DOURADOS
Adolescente que comprava maconha no Paraguai para revender é apreendido
JARDIM GUANABARA
Homem é preso acusado de abusar de criança em Dourados
FAMOSOS
Thiago Fragoso se afasta de “O Outro Lado do Paraíso" por problemas de saúde
FUTEBOL
Quatro árbitros de MS são escalados para os Brasileiros das Séries C e D
DOURADOS
Demissões aumentam, mas acumulado do ano ainda é positivo
FERIADO
Comércio e shopping abrem normalmente neste sábado
SORRISÃO
Graciele Lacerda faz ensaio fotográfico e exibe corpão à beira da pescina

Mais Lidas

SOLIDARIEDADE
Dourados inaugura a primeira geladeira solidária nesta sexta-feira
ABRIGO
Fazendeiro morto por pistoleiros já hospedou membro do Comando Vermelho
Morador da Rocinha foi preso com documento falso quando vigiava posto da PRF, na BR-463, uma das principais rotas do narcotráfico
POLÍCIA
Mulher é presa com crack do Paraguai na Rodoviária de Dourados
TRÊS LAGOAS
Homem procura delegacia após investir carro em bitcoin e não ter retorno prometido