Menu
Busca terça, 18 de junho de 2019
(67) 9860-3221
LOTERIA

Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 19 milhões nesta quinta-feira

09 novembro 2017 - 07h10Por Da Redação

O concurso 1.986 da Mega-Sena pode pagar um prêmio de R$ 19 milhões para quem acertar as seis dezenas que serão sorteadas às 20 horas (horário de Brasília) desta quinta-feira, dia 09 de novembro, em Brasília (DF).

Com o valor, o apostador pode receber mensalmente R$ 90 mil, se aplicar o dinheiro na poupança, ou comprar 47 imóveis de até R$ 400 mil cada um, segundo a Caixa Econômica Federal, responsável pelo concurso.

Excepcionalmente, serão três concursos nesta semana, como parte da "Mega Semana da República". O primeiro foi na terça (7); o último será no sábado (11). Normalmente, os sorteios ocorrem às quartas e sábados.

As apostas podem ser feitas até as 18 horas (MS) do dia do sorteio, em qualquer lotérica do país. A aposta mínima custa R$ 3,50.

Deixe seu Comentário

Leia Também

FUTEBOL FEMININO
Com gol de Marta, Brasil vence Itália e garante vaga nas oitavas da Copa do Mundo
DECOLA MS
Azambuja assina decreto de incentivo a ampliação de voos em MS
RESERVA INDÍGENA
Dois são presos suspeitos pelas mortes de tio e sobrinho em Dourados
ATLETISMO
Douradense vence duas provas do Estadual Caixa na Capital
CAMPO DOURADO
Menor que pedia carona é detida com maconha em Dourados
TV EDUCATIVA
Fertel e Funesp reforçam parcerias para transmissão e divulgação de competições
BRASIL
Resultado da primeira chamada do ProUni está disponível
PARANAÍBA
Quadrilha sequestra piloto para roubar aeronave em MS
EDUCAÇÃO
Baixo desempenho da rede de ensino em cidade de MS será debatido
BRASIL
CCJ aprova convite para Dallagnol explicar troca de mensagens com Moro

Mais Lidas

AQUIDAUANA
Douradense desaparece nas águas do rio Aquidauana durante banho
PARAGUAI
Motim termina com 10 mortos e presos queimados e decapitados
DOURADOS
Perseguição na Coronel Ponciano termina com homem preso e apreensão de mais de 700kg de maconha
MASSACRE EM SAN PEDRO
Ministro paraguaio promete expulsar membros do PCC após motim com 10 mortos