Menu
Busca Terça, 23 de Janeiro de 2018
(67) 9860-3221
Corpal - Dezembro 2017

Mato Grosso do Sul pode economizar R$ 100 milhões ao ano em pagamento de dívida

05 Janeiro 2013 - 09h15

Após inúmeras previsões de perdas na receita estadual, como é o caso dos royalties de R$ 150 milhões, R$ 18 milhões de ICMS da energia, entre outros, finalmente uma notícia positiva para as finanças do Estado. O Projeto de Lei Complementar (PLP 238/2013), apresentando na última quinta-feira, pelo Executivo, ao Congresso Nacional, propõe mudanças no indexador das dívidas de estados e municípios com a União e pode trazer economia de R$ 100 milhões por ano aos cofres estaduais.

Com a PL que está no Congresso, passa para três, o número de propostas que tramitam sobre a mudança do indexador das dívidas de estados e municípios com a União. O novo texto, que indica a substituição do atual Índice Geral de Preços (IGP-DI) de mais 6%, pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Ampliado (IPCA) de 4%, deve impactar em cerca de 83,7% da dívida de Mato Grosso do Sul.

"Mas essa mudança não teria impacto no que se paga hoje, que representa 15% da receita. Ela só vai fazer com que a dívida cresça menos, porque, atualmente, mesmo pagando em dia, por causa dos juros, ela continua aumentando”, explica o auditor geral do Estado, Rédel Furtado Neres.

O presidente da Comissão de Execução Orçamentária da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, Júnior Mocchi, defende que junto com a mudança do indexador, também seja alterada a capacidade de comprometimento da receita com a dívida.

Pacote e medidas
Embora as matérias tenham entrado sido protocoladas em projetos separados, o novo indexador e o percentual de comprometimento de receita com a dívida da União, poderão integrar um pacote de medidas de apoio aos estados. A informação é do senador Waldemir Moka, coordenador da bancada federal de Mato Grosso do Sul.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DEU CALOR!
Gracyane Barbosa exibe barriga sarada e corpão durante foto no deserto
ATENÇÃO
Prazo para microempreendedor regularizar situação é prorrogado até sexta-feira
Prazo para microempreendedor regularizar situação é prorrogado até sexta-feira
VEM NOVIDADES!
WhatsApp altera forma de exibir notificações no Android 8
BRASIL
Intervenção militar seria enorme retrocesso, diz comandante do Exército
Intervenção militar seria enorme retrocesso, diz comandante do Exército
SEGURANÇA
Agepen discute em Brasília integração entre sistemas de informações prisionais do país
Agepen discute em Brasília integração entre sistemas de informações prisionais do país
EMPRESÁRIOS
Começa hoje prazo para preenchimento da Rais
Começou nesta terça-feira (23) o prazo para o preenchimento da Relação Anual de Informações Sociais (Rais) de 2017. Empresários poderão enviar dados até o dia 23 de março, por meio de formulário online. De acordo com o Ministério do Trabalho, não há possibilidade de prorrogação do prazo de entrega do formulário.
ECONOMIA
Dólar fecha em alta e encosta em R$ 3,25
Dólar fecha em alta e encosta em R$ 3,25
POLÍTICA
Julgamento de Lula é "evento natural", diz Temer na Suíça
Julgamento de Lula é "evento natural", diz Temer na Suíça
MENOR TAXA
Prévia indica inflação oficial no início de 2018 0,39%
DOURADOS
Jovem apontado por tráfico no Estrela Tovi é preso

Mais Lidas

DOURADOS
Jovem é preso no Canaã II por posse de munições de uso restrito
CAPITAL
Professor é preso por assediar alunos de escola pública
Professor é preso por assediar alunos de escola pública
BILIONÁRIOS
Cinco brasileiros concentram mesma riqueza que a metade pobre do país
FEMINICÍDIO
Assassinato de mãe de seis filhos foi premeditado, acredita polícia