Menu
Busca terça, 19 de março de 2019
(67) 9860-3221

Fibria deve instalar segunda unidade em Três Lagoas até 2014

07 junho 2011 - 13h03

O governador André Puccinelli recebeu hoje (07) a visita do grupo da fábrica de celulose Fibria, localizada no município de Três Lagoas. Durante a visita o grupo reafirmou ao governador o compromisso de investir em Mato Grosso do Sul com a proposta de instalar uma segunda unidade da fábrica até o mês de setembro de 2014. A reunião também contou com a presença da vice-governadora, Simone Tebet.

Conforme o diretor florestal da Fibria, Marcelo Strufaldi Castelli que a partir de 1º de julho será o novo presidente da fábrica, o objetivo é lançar a pedra fundamental da nova unidade em Três Lagoas em setembro de 2012, mas para isso é preciso formar uma base florestal e estar preparado para as condições de mercado. “Temos hoje a unidade de Três Lagoas com produção de 1,3 milhão toneladas sendo um trabalho de sucesso que trouxe desenvolvimento para a região. Projetamos então para 2014 dependendo das condições de mercado, mais do que a duplicação desta produção passando para mais de 3 milhões de toneladas”, informou.

De acordo com Marcelo Strufaldi Castelli o objetivo é reafirmar a intenção de crescimento com vistas a já formar a base florestal. O projeto prevê a construção de uma nova fábrica dentro da cerca de unidade atual. Atualmente são 230 mil hectares de área total sendo 150 mil hectares de efetivo plantio de florestas. “Para duplicar esta fábrica precisamos criar uma nova base florestal do mesmo tamanho onde vamos continuar expandindo para a mesma região. A área atual da fábrica foi preparada para ser duplicada e já preparamos no primeiro empreendimento a infraestrutura para receber essa expansão”, explicou.

O grupo demonstrou ao governador que a parceria vem dando certo e disse que o Estado acertou quando implantou o zoneamento econômico ecológico. “A região é bastante atrativa e tem uma vocação para a atividade de eucalipto e produção de celulose. O Estado fez uma grande definição do zoneamento econômico ecológico que nos traz uma tranqüilidade de empreender numa estabilidade de legislação e de governo. São fatores importantes para que o empresário decida vir para cá”, comentou o diretor florestal.

“Mato Grosso do Sul está de portas abertas e no que depender de nós, dentro da legislação podem contar conosco", assegurou o governador André Puccinelli ao grupo. Essa transparência do Estado no que diz à legislação têm feito, segundo o diretor florestal da fábrica com que o Estado venha se destacando nacionalmente dentro do setor florestal. "A imagem de Mato Grosso do Sul lá fora é muito boa porque aqui tem critério e consistência, e estamos fazendo desde o início tudo de forma correta", ressaltou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UAU
Noiva de Latino, Jéssica Rodrigues posa nua e fala do empoderamento feminino
AQUIDAUANA
Adolescente é trancada dentro de casa e estuprada por quatro homens
DOURADOS
Projeto Palco para Todos retoma aulas para alunos da Reme em abril
ALCÂNTARA
Acordo permite aos EUA lançar satélites a partir do Maranhão
CRIME AMBIENTAL
Campo-grandense é multado por transporte de 500 litros de agrotóxicos
MARÇO
Petrobras anuncia 7º reajuste no preço da gasolina nas refinarias
PRECAUÇÃO
Brasileira estuprada por policiais em prisão na Bolívia é transferida
SIGA/MS
Mais de 90% das lavouras de soja já foram colhidas no Estado
COXIM
Corpo de homem que morreu após colisão de barcos é encontrado
LEÃO
Receita Federal recebeu 3,8 milhões de declarações do IR em 11 dias

Mais Lidas

TRAGÉDIA
Família que morreu em acidente na BR-060 seguia para missa de colação de grau
BR-060
Morre no hospital terceira vítima de acidente na Capital
NAVIRAÍ
Corpo de foragido do semiaberto é encontrado em terreno baldio
SIDROLÂNDIA
Acidente entre carro e caminhão mata duas mulheres na BR-060