Menu
Busca segunda, 19 de novembro de 2018
(67) 9860-3221

Fibria deve instalar segunda unidade em Três Lagoas até 2014

07 junho 2011 - 13h03

O governador André Puccinelli recebeu hoje (07) a visita do grupo da fábrica de celulose Fibria, localizada no município de Três Lagoas. Durante a visita o grupo reafirmou ao governador o compromisso de investir em Mato Grosso do Sul com a proposta de instalar uma segunda unidade da fábrica até o mês de setembro de 2014. A reunião também contou com a presença da vice-governadora, Simone Tebet.

Conforme o diretor florestal da Fibria, Marcelo Strufaldi Castelli que a partir de 1º de julho será o novo presidente da fábrica, o objetivo é lançar a pedra fundamental da nova unidade em Três Lagoas em setembro de 2012, mas para isso é preciso formar uma base florestal e estar preparado para as condições de mercado. “Temos hoje a unidade de Três Lagoas com produção de 1,3 milhão toneladas sendo um trabalho de sucesso que trouxe desenvolvimento para a região. Projetamos então para 2014 dependendo das condições de mercado, mais do que a duplicação desta produção passando para mais de 3 milhões de toneladas”, informou.

De acordo com Marcelo Strufaldi Castelli o objetivo é reafirmar a intenção de crescimento com vistas a já formar a base florestal. O projeto prevê a construção de uma nova fábrica dentro da cerca de unidade atual. Atualmente são 230 mil hectares de área total sendo 150 mil hectares de efetivo plantio de florestas. “Para duplicar esta fábrica precisamos criar uma nova base florestal do mesmo tamanho onde vamos continuar expandindo para a mesma região. A área atual da fábrica foi preparada para ser duplicada e já preparamos no primeiro empreendimento a infraestrutura para receber essa expansão”, explicou.

O grupo demonstrou ao governador que a parceria vem dando certo e disse que o Estado acertou quando implantou o zoneamento econômico ecológico. “A região é bastante atrativa e tem uma vocação para a atividade de eucalipto e produção de celulose. O Estado fez uma grande definição do zoneamento econômico ecológico que nos traz uma tranqüilidade de empreender numa estabilidade de legislação e de governo. São fatores importantes para que o empresário decida vir para cá”, comentou o diretor florestal.

“Mato Grosso do Sul está de portas abertas e no que depender de nós, dentro da legislação podem contar conosco", assegurou o governador André Puccinelli ao grupo. Essa transparência do Estado no que diz à legislação têm feito, segundo o diretor florestal da fábrica com que o Estado venha se destacando nacionalmente dentro do setor florestal. "A imagem de Mato Grosso do Sul lá fora é muito boa porque aqui tem critério e consistência, e estamos fazendo desde o início tudo de forma correta", ressaltou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Policia Militar apreende arma, drogas e 15 pessoas são presas durante a operação Proclamação da República
INTERNACIONAL
Os melhores hotéis do mundo
BRASIL
A pouco mais de um mês para posse, equipe econômica está quase fechada
DOURADOS
Concessionária diz trabalhar em área afetada por queda de árvore e previsão de retorno de energia é até as 22h
FUTEBOL
Rivais tropeçam e apimentam Fluminense x Ceará no Brasileirão
MS
Publicados novos valores das unidades monetária e de referência do MS
ECONOMIA
PIB per capita de MS cresceu 4,5 vezes em 14 anos
BRASIL
Relatório alerta que há 45 barragens sob ameaça de desabamento
DOURADOS
Pastoral Universitária da Unigran celebram os sacramentos do batismo e 1ª Eucaristia
DOURADOS
Hemocentro atende em horário diferenciado no próximo sábado

Mais Lidas

TEMPORAL
Fortes ventos derrubam mais de 30 árvores e deixa rastro de destruição em Dourados
FACADAS
Traficante brasileiro mata namorada dentro de cela no Paraguai
TEMPORAL
Ventos fortes derrubam árvores em Dourados
DOURADOS
Antes de ser assassinado, homem passou por ‘tribunal do crime’