Menu
Busca domingo, 22 de julho de 2018
(67) 9860-3221

Fibria deve instalar segunda unidade em Três Lagoas até 2014

07 junho 2011 - 13h03

O governador André Puccinelli recebeu hoje (07) a visita do grupo da fábrica de celulose Fibria, localizada no município de Três Lagoas. Durante a visita o grupo reafirmou ao governador o compromisso de investir em Mato Grosso do Sul com a proposta de instalar uma segunda unidade da fábrica até o mês de setembro de 2014. A reunião também contou com a presença da vice-governadora, Simone Tebet.

Conforme o diretor florestal da Fibria, Marcelo Strufaldi Castelli que a partir de 1º de julho será o novo presidente da fábrica, o objetivo é lançar a pedra fundamental da nova unidade em Três Lagoas em setembro de 2012, mas para isso é preciso formar uma base florestal e estar preparado para as condições de mercado. “Temos hoje a unidade de Três Lagoas com produção de 1,3 milhão toneladas sendo um trabalho de sucesso que trouxe desenvolvimento para a região. Projetamos então para 2014 dependendo das condições de mercado, mais do que a duplicação desta produção passando para mais de 3 milhões de toneladas”, informou.

De acordo com Marcelo Strufaldi Castelli o objetivo é reafirmar a intenção de crescimento com vistas a já formar a base florestal. O projeto prevê a construção de uma nova fábrica dentro da cerca de unidade atual. Atualmente são 230 mil hectares de área total sendo 150 mil hectares de efetivo plantio de florestas. “Para duplicar esta fábrica precisamos criar uma nova base florestal do mesmo tamanho onde vamos continuar expandindo para a mesma região. A área atual da fábrica foi preparada para ser duplicada e já preparamos no primeiro empreendimento a infraestrutura para receber essa expansão”, explicou.

O grupo demonstrou ao governador que a parceria vem dando certo e disse que o Estado acertou quando implantou o zoneamento econômico ecológico. “A região é bastante atrativa e tem uma vocação para a atividade de eucalipto e produção de celulose. O Estado fez uma grande definição do zoneamento econômico ecológico que nos traz uma tranqüilidade de empreender numa estabilidade de legislação e de governo. São fatores importantes para que o empresário decida vir para cá”, comentou o diretor florestal.

“Mato Grosso do Sul está de portas abertas e no que depender de nós, dentro da legislação podem contar conosco", assegurou o governador André Puccinelli ao grupo. Essa transparência do Estado no que diz à legislação têm feito, segundo o diretor florestal da fábrica com que o Estado venha se destacando nacionalmente dentro do setor florestal. "A imagem de Mato Grosso do Sul lá fora é muito boa porque aqui tem critério e consistência, e estamos fazendo desde o início tudo de forma correta", ressaltou.

Deixe seu Comentário

Leia Também

AMAMBAI
Bebê de 1 ano e 9 meses morre afogado em açude de chácara
BLOCOS
Temer vai ao México para reunião de Mercosul e Aliança do Pacífico
MEIO AMBIENTE
PMA de Dourados autua pecuarista em R$ 57 mil por desmatamento
EMPREGO
10 órgãos abrem inscrições para quase 600 vagas na segunda-feira
CAMPO GRANDE
Mulher fica gravemente ferida após ser lançada contra arame farpado
AMPLAVISÃO 1315
Nas pontes de Roma a lembrança de André
DOURADOS
Poste derrubado após roubo de veículos continua caído na Marcelino Pires
TRADIÇÃO CATÓLICA
27ª Festa a São Cristóvão leva caminhões às ruas de Dourados
EDUCAÇÃO
IFMS encerra nesta segunda inscrições para transferências
FÓRMULA 1
Hamilton vence após Vettel parar no muro no GP da Alemanha

Mais Lidas

ÁGUA BOA
Ferido com tiro durante comemorações na Copa é preso com drogas em Dourados
CAMPO DOURADO
Jovem nega tráfico e diz que pedido de carona o levou até casa com droga
DOURADOS
Índios invadem fazenda, torturam e fazem caseiro refém por 6h
CAMPO GRANDE
Mulher morre ao bater carro na traseira de caminhão parado