Menu
Busca sexta, 19 de julho de 2019
(67) 9860-3221
ECONOMIA

Dólar fecha em queda com mercado atento a crise na Grécia

22 junho 2015 - 18h15

G1

O dólar fechou em queda ante o real nesta segunda-feira (22), com investidores monitorando os desdobramentos da crise envolvendo a dívida da Grécia diante de uma nova oferta de Atenas a seus credores.

A moeda norte-americana recuou 0,66% frente ao real, a R$ 3,0816 na venda, após subir mais de 1% na sessão passada.

"Preocupações com a possibilidade de contágio (da situação na Grécia) estão ficando mais moderadas", escreveram analistas do Scotiabank em relatório, ressaltando que, nesse contexto, investidores voltavam a comprar ativos de maior risco, como aqueles denominados em reais.

A Grécia entregou nesta manhã novo plano de reformas a seus credores, incluindo o aumento da idade de aposentadoria. Autoridades da zona do euro afirmaram que o documento é "razoável" e, embora um acordo final com Atenas seja improvável nesta segunda-feira, pode ser um avanço na direção de uma solução nos próximos dias.

Pesquisa do Barclays com 899 investidores em todo o mundo mostrou que mais de metade dos consultados acreditavam que eventual saída da Grécia da zona do euro teria impacto limitado sobre os mercados financeiros, uma vez que a economia grega é pequena e foram tomadas medidas para limitar possíveis contágios. Além disso, apenas 23% deles esperavam que isso aconteça nos próximos meses.

No Brasil, a queda do dólar sobre o real era influenciada também pela expectativa de entrada de recursos externos diante do cenário de mais altas da Selic, que aumenta a atratividade de papéis brasileiros.

"Pelo jeito, o mercado parece estar se preparando para uma enxurrada de dinheiro. Há um risco de decepção", disse à Reuters o operador de um importante banco nacional, sob condição de anonimato.

Economistas de instituições financeiras passaram a ver a taxa básica de juros a 14,25% no fim deste ano na pesquisa Focus do BC divulgada nesta manhã. Já no mercado de juros futuros, a aposta é que a Selic, hoje a 13,75% ao ano, terminará o ano a 14,5%, segundo operadores.

Na sexta-feira, o dólar subiu 1,42%, a R$ 3,1021 na venda. Na semana, no entanto, a moeda caiu 0,51%. No mês, há baixa acumulada de 2,67% e no ano, valorização de 16,68%.

Deixe seu Comentário

Leia Também

JUSTIÇA
Seguradora de viagens pagará R$15.000,00 por assistência indevida
POLÍCIA
PF prende ‘Galã’, do PCC acusado de envolvimento na morte de Rafaat
IMPASSE
Petrobras se nega a abastecer navios iranianos por temer sanções
Idoso de 81 anos incendeia casa após usar fogo para espantar insetos
EDUCAÇÃO
Canditados na lista de espera do ProUni devem comprovar informações
DOURADOS
Prefeitura ameaça romper contrato com empreiteira responsável por reforma do PAM
EDUCAÇÃO
Prorrogado prazo de inscrição para a reunião da SBPC na UFMS
LEGISLATIVO
Renato Câmara fecha semestre com 6 novos projetos de lei e mais de 275 proposições
INTERNACIONAL
Junho teve a maior temperatura já registrada para o mês no planeta
ECONOMIA
Dólar termina a semana em alta, de olho em projeções sobre juros nos EUA

Mais Lidas

FRONTEIRA
Pistoleiros são presos após executarem homem a tiros
DOURADOS
Delegado encerra Inquérito e aguarda perícia para saber se tiro que matou bioquímico foi acidental
DOURADOS
AGORA: Homem é baleado no Estrela Verá
FRONTEIRA
Suspeito de ter matado homem encontrado boiando em rio é preso