Menu
Busca sexta, 14 de dezembro de 2018
(67) 9860-3221
MAIS CARO

Conta de energia elétrica já está mais cara a partir deste domingo

01 outubro 2017 - 09h38

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anunciou na pultima sexta-feira, dia 29 de setembro, que a bandeira tarifária das contas de luz em outubro será a vermelha patamar 2. A tarifa que entra emvigor neste domingo (1º) é a mais cara do modelo e representa a cobrança de taxa extra de R$ 3,50 a cada 100 Quilowatt-hora (kWh) consumidos. Em setembro, a bandeira tarifária das contas de luz foi a amarela, com taxa extra de R$ 2 para cada 100 kWh de energia consumidos.

Segundo o diretor-presidente da Aneel, Romeu Rufino, a decisão foi tomada devido à baixa vazão das hidrelétricas, porque as chuvas em setembro ficaram abaixo da média. “Em função do regime hidrológico muito crítico, este setembro foi o pior mês de setembro, do ponto de vista da vazão, da série histórica do setor elétrico”.  Apesar do alerta, Rufino disse que não há risco para o abastecimento de eletricidade.

Desde que a bandeira vermelha passou a ter dois patamares, 1 e 2, em janeiro de 2016, esta é a primeira vez que o nível mais alto é acionado. A tarifa extra mais alta se deve à necessidade de operar mais usinas térmicas, cujo custo de produção da energia é mais alto que a da produzida nas hidrelétricas.

Na semana passada, o Comitê de Monitoramento do Setor Elétrico (CMSE), ligado ao Ministério de Minas e Energia, havia decidido não acionar as usinas termelétricas mais caras, o chamado “despacho fora da ordem de mérito” mas aprovou, se necessário, o aumento da importação de energia elétrica da Argentina e do Uruguai “na medida em que for possível”.

Na reunião, o CMSE também decidiu retomar a operação de três usinas termelétricas que estão paradas. Segundo o comitê, as usinas de Araucária, Cuiabá e Termonorte II “são capazes de produzir energia a preços mais competitivos se comparados com os de outras usinas térmicas.”

Economia de energia

Além disso, a Aneel também realizará uma campanha de conscientização do uso da energia elétrica. Entre as recomendações que a agência fará, estão a de usar a temperatura morna do chuveiro e tomar banhos mais curtos, de até cinco minutos; diminuir ao máximo a utilização de ar-condicionado e não deixar portas e janelas abertas em ambientes com o equipamento; não colocar alimentos quentes e deixar a porta da geladeira aberta apenas o tempo que for necessário; e utilizar iluminação natural ou lâmpadas econômicas, além de apagar a luz ao sair de um cômodo.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CONFIRA
IFMS divulga resultado para ingresso em cursos técnicos integrados
EDUCAÇÃO
Pré-matrícula para veteranos da Uems vão de 21 de janeiro até 9 de fevereiro
ESCÂNDALO
Defesa de João de Deus afirma não ter tido acesso a depoimentos
HISTÓRIA
Publicada Resolução que cria Centro de Memória da Assembleia Legislativa
LOTERIA
Mega pode pagar prêmio de R$ 42 milhões amanhã
AÇÃO
MP vai à Justiça para que Imol de Dourados receba equipamentos
AQUIDAUANA
Casa é consumida pelo fogo e gestante perde todo o enxoval
REDE ESTADUAL
Concurso para professores terá reforço na segurança, transporte e esquema especial de trânsito
CENTRALIZAÇÃO
Decreto cria 'Poupatempo' em Dourados
FAMÍLIA REAL
Palácio divulga foto com William, Kate e os três filhos para o Natal

Mais Lidas

BOAS FESTAS
Operação contra tráfico e roubo termina com cinco presos em Dourados
LUTO
Morre em Dourados empresário dono de tradicional restaurante
MESA DIRETORA
Após polêmicas e ‘novela’, Alan Guedes é eleito presidente da Câmara de Dourados
BOAS FESTAS
Ação conjunta mira traficantes em Dourados