Menu
Busca sábado, 17 de fevereiro de 2018
(67) 9860-3221
CONCESSÃO

Autorizado estudos técnicos do projeto para privatização da MS-306

19 outubro 2017 - 07h54Por Da Redação

Foi realizada na última terça-feira, dia 17 de outubro, uma reunião preliminar da equipe técnica do Estado, envolvida no processo de futura concessão da Rodovia MS-306, com dois autorizados a elaborar estudos técnicos para estruturação do projeto: a empresa Neovia Engenharia e um grupo formado pelas empresas Moysés & Pires, Proficenter, Matricial Engenharia, R. Charlier, Tess Consult, B Alvim Engenharia e Utilicon. O encontro, previsto no edital de Chamamento Público para o Procedimento de Manifestação de Interesse (PMI) nº 02/2017 do qual as empresas participaram, é adotado como marco temporal de início do prazo de 120 dias para entrega dos estudos pelas empresas.

De acordo com o secretário de Estado de Infraestrutura, Marcelo Miglioli, as duas empresas interessadas no processo ainda terão até uma semana para confirmar e oficializar o interesse em realizar os estudos. “Foi um encontro muito positivo onde o Estado pode apresentar sua intenção e seus objetivos com esse projeto. Nosso sentimento é de que as duas empresas saíram muito interessadas e agora vamos aguardar a confirmação do interesse. Elas terão até uma semana para confirmar a participação e, uma vez manifestado favoravelmente a continuidade dentro do processo, elas já vão começar os trabalhos, dentro do cronograma pré-estabelecido pelo edital”, explicou.

Os estudos nortearão a modelagem definitiva do projeto de concessão que visa realizar a adequação de capacidade, reabilitação, operação, manutenção e conservação da Rodovia MS-306, garantindo melhores condições de trafegabilidade e segurança aos usuários dessa importante rota de escoamento da produção, bem como acelerar e incentivar os investimentos em infraestrutura rodoviária estadual.  “Trata-se de um processo colaborativo no qual se pretende capturar as melhores práticas e experiências do setor privado para aplicá-las na estruturação do projeto”, explica a secretária Especial do Escritório de Parcerias Estratégicas (EPE) da Secretaria de Governo e Gestão Estratégica (Segov), Eliane Detoni.

Caso confirmem o interesse, as empresas terão o prazo de 120 dias a contar da data da reunião para entregar dos estudos e o cronograma de atividades prevê o lançamento do edital de licitação do projeto até o mês de setembro de 2018.

Sobre a MS-306
 

A Rodovia MS-306, trecho: Entr. BR-359(B) – Entr. BR-158(A) possui 200,2 km de extensão e interliga os municípios de Cassilândia, Chapadão do Sul e Costa Rica, sendo uma importante rota de escoamento da produção da porção norte da região Centro-Oeste.

A Rodovia MS-306 acompanha a divisa com o Estado vizinho de Goiás, atendendo atualmente uma importante região de agronegócios no Estado, sendo polo de integração comercial e de produção entre os estados de Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, São Paulo, Goiás e Minas Gerais. O volume médio de tráfego é de aproximadamente 6 mil veículos, sendo 65% dos veículos de passeio e 34,82% comerciais.

Deixe seu Comentário

Leia Também

RÚSSIA 2018
Embaixadora da Copa do Mundo da Rússia visita sede da CBF
BRASIL
Previdência não será única PEC parada durante intervenção no Rio
RIO BRILHANTE
Jovem tem a casa atingida por tiros após discussão em bar por volume de som
ECONOMIA
Energia: em fevereiro bandeira segue verde para consumidores
CAMPO GRANDE
Carro de luxo com R$ 48 mil em débitos é apreendido em blitz
GRUPO B
Compromisso na Copa Verde faz FFMS alterar data de jogo do Corumbaense
BRASIL
Entenda como foi criado o horário de verão, que termina no domingo
EDUCAÇÃO
Inscrições para o Programa Vale Universidade seguem abertas
SUL DE MS
Homem morre após fugir e capotar veículo carregado com maconha
RESGATE
Casal é encontrado com vida após 10h de sequestro na Capital

Mais Lidas

QUADRILHA DESARTICULADA
Sete são presos a caminho de MS com carros roubados
TRÁFICO
Ao ser preso com cigarro de maconha, jovem denuncia "boca" no Itália
MARACAJU
Homem é assassinado brutalmente por adolescentes
DOURADOS
Reunião define critérios para lotação nas escolas da Reme