Menu
Busca segunda, 18 de novembro de 2019
(67) 9860-3221
COMÉRCIO EXTERIOR

Açúcar, soja, carnes, ferro e manganês puxam exportações de MS

06 setembro 2017 - 08h59

O crescimento nas exportações de açúcar, soja, carnes, minério de ferro e manganês fez com que o desempenho da balança comercial de Mato Grosso do Sul com o setor externo no mês de agosto de 2017 fosse três vezes maior em comparação ao mesmo período do ano passado. É o que revelam os dados da Carta de Conjuntura do Setor Externo divulgada nesta terça-feira, dia 05 de setembro, pela Secretaria de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar (Semagro).

De acordo com o documento, foi verificado um superávit de US$ 283 milhões no mês de agosto de 2017, bem superior aos US$ 88 milhões verificados em agosto de 2016. Com isso, Mato Grosso do Sul acumula de janeiro a agosto de 2017 um superávit de US$ 1,7 bilhão. Entre os principais responsáveis por esse resultado está o crescimento das exportações dos principais produtos em relação a janeiro a agosto de 2016, como: Soja (alta de 21%), Açúcar (alta de 70,75%) e Abate bovino e preparação de carnes (alta de 13%).

Na avaliação do secretário de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar, Jaime Verruck, um dos desempenhos de destaque foi o do setor da mineração, com o minério de ferro registrando alta de 18% e o manganês uma elevação de 101% nas vendas externas. "Embora representem pouco na pauta do comércio exterior, houve uma melhora significativa nas exportações dos produtos de extrativismo mineral. É um movimento importante do mercado que ocorre num momento em que o Governo do Estado implantou a Câmara Setorial da Mineração e discute políticas para o setor", comenta Jaime Verruck.

Em termos de destino, a China ainda mostra-se como o principal parceiro comercial de Mato Grosso do Sul, com praticamente 40% dos valores exportados. Seguindo a tendência dos últimos meses, registra-se o crescimento da participação da Argentina nas vendas externas do Estado, com 6% do total, mantendo o país sul-americano como o segundo destino das exportações do Estado – tendo a soja e o minério de ferro e manganês como principais produtos.

Entre os municípios exportadores o destaque vai para Três Lagoas – embora a celulose acumule uma queda de 6% em relação a janeiro a agosto de 2016 – seguida por Campo Grande, com o Abate e Preparação de Carnes.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ID ESTUDANTIL
MEC informa que emissão da "Carteira de Estudante" não está disponível
CRIME AMBIENTAL
Trator passando em cima de jacarés será investigado pela PMA
BELA VISTA
Condenada por matar filha bebê é encontrada morta em presídio
PROTESTOS
Com estradas bloqueadas, Bolívia vive escassez de comida e combultível
POLÍTICA
Mochi vai assumir comando estadual do MDB no lugar de André
CAPITAL
Após separação, jovem tenta matar ex-marido a golpes de faca
TRANSPORTE DE CARGA
Governo Federal altera tabela de frete e inclui pedágio no valor
ECONOMIA
Selo Arte vai abrir horizonte de oportunidades em MS, diz Reinaldo Azambuja
BRASIL
União oficializa desbloqueio de R$ 13 bilhões do Orçamento de 2019
APOSTAS
Loterias sorteiam R$ 55,6 milhões até quarta-feira

Mais Lidas

POLÍCIA
Vereador é agredido e roubado quando ia para igreja em Dourados
DOURADOS
Motociclista fica gravemente ferido após colisão no Parque Alvorada
FURTO
Casal é flagrado dentro de panificadora fechada na madrugada
DOURADOS
Mulher ameaça policiais com facão em abordagem por manobras perigosas