Menu
Busca domingo, 21 de outubro de 2018
(67) 9860-3221

Abate de bovinos cresce 34% e MS passa a ser 2º no ranking nacional

16 dezembro 2012 - 13h40

O abate de bovino em Mato Grosso do Sul cresceu 34,5% no primeiro trimestre deste ano e fez o Estado ficar na 2ª posição do ranking nacional. Com 1,032 milhões de cabeças abatidas, MS saiu da terceira posição, que ocupava no mesmo período do ano passado, ultrapassou São Paulo, e já se aproxima de Mato Grosso, o atual primeiro colocado com 1.299 milhões de abates.

Os dados são da pesquisa de Produção Pecuária, realizada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), e divulgada nesta quinta-feira (13).

O crescimento no Estado contribuiu para o recorde no índice de abate bovino em todo país, entre os meses de julho, agosto e setembro. Ao todo, foram abatidas 8,027 milhões de cabeças de bovinos, representando de 10,2% de aumento em relação ao mesmo período de 2011 e 5,0% em relação ao trimestre imediatamente anterior. Esse foi o número mais alto registrado pela Pesquisa Trimestral de Abate de Animais, que começou a ser divulgada em 1997.

De acordo com o levantamento, dois fatores contribuíram diretamente para o aumento: redução dos preços da carne bovina, média de 4,1%, e o aumento das exportações, em 16,7%. Mato Grosso do Sul ocupa a 4ª posição, com 11% das exportações de carne in natura.

Suínos e frangos – O Estado ainda registrou aumento de 14,9 no abate de suínos, com 315. 286 mil abates. No país, foram 9,493 milhões de cabeças de suínos abatidos, aumento de 7,4% em relação ao trimestre imediatamente anterior e de 4,7% frente ao mesmo período de 2011.

Já no que respeito aos frangos, houve redução de 8,5 e o Estado fechou o terceiro semestre com 35,131 milhões de abate. Em todo país, o índice fechou em 1,340 bilhão de cabeças, o que representa aumento de 5,2% em relação ao trimestre imediatamente anterior e queda de 0,7% frente ao mesmo período de 2011.

Leite, couro e ovos – A pesquisa ainda revela dados sobre a produção de derivados, como o couro, que registrou aumento de 30% no Estado.

No caso do ovo, MS teve aumento de 0,5%, com a produção de 8.688 mil ovos. Em todo país, a produção de ovos de galinha foi de 677,8 milhões de dúzias no 3º trimestre de 2012, um aumento de 4,2% sobre o mesmo período de 2011.

A quantidade de leite, adquirido e industrializado, teve média de 10% de aumento em Mato Grosso do Sul. A aquisição de leite cru, em todo país, correspondeu a 5,526 bilhões de litros, indicando aumentos de captação, tanto com relação ao 3º trimestre de 2011 (3,5%), quanto com relação ao 2º trimestre do ano corrente (5,6%).

Deixe seu Comentário

Leia Também

SHOWBIZ
Renata Kuerten desistiu da barriga trincada: "quero um corpinho violão"
FRONTEIRA
Homem tenta fugir, mas acaba preso com 392 quilos de maconha
AMEAÇA
Para fechar STF basta 'um soldado e um cabo', diz filho de Bolsonaro
RIO BRILHANTE
Morador de assentamento é encontrado morto e suspeita é latrocínio
DOURADOS
Mulher de 40 anos é assaltado quando desembarcava de ônibus
UEMS
Conselho de Ética abre inscrições para eleição de representantes
EMPREGO
Ao menos 7 órgãos abrem amanhã inscrições para mais de 100 vagas
FÁTIMA DO SUL
‘Tuzin’ morre após colidir motocicleta em rotatória
SHOWBIZ
Sabrina Sato coloca fim a mistério e revela nome pra lá de diferente da filha
INTOLERÂNCIA
UFGD divulga Nota de Repúdio sobre "Suástica" em painel

Mais Lidas

DOURADOS
Familiares e amigos dão adeus a empresário e filho mortos em acidente
DOURADOS
Bandidos atiram contra viatura e abandonam carro tomado em assalto
CANAÃ
Órgãos de segurança fecham festa organizada através do WhatsApp
RIO BRILHANTE
Caminhonete invade pista, bate em motocicleta e mata casal