Menu
Busca quinta, 17 de outubro de 2019
(67) 9860-3221

Dólar fecha com forte alta cotado a R$ 3,155

12 agosto 2002 - 15h48

O dólar comercial encerrou os negócios com alta de 3,95% ante o fechamento de sexta-feira. A moeda norte-americana era comprada a R$ 3,145 e vendida a R$ 3,155, segundo dados preliminares. A divisa oscilou entre a máxima, na ponta de venda, de R$ 3,16 e a mínima de R$ 3,065.
Com base nos negócios no interbancário, o mercado estima que a PTax (média das cotações apurada pelo BC) tenha ficado entre R$ 3,0857 e R$ 3,0865, com avanço de 1,70%.
Na Bolsa de Mercadorias e Futuros (BMeF), o contrato de câmbio com vencimento em setembro estimou a moeda a R$ 3,142, com giro financeiro de R$ 6,7 bilhões e 43,4 mil títulos transacionados.
O dólar voltou a disparar nesta segunda-feira e obrigou o Banco Central a intervir com venda de moeda. Ao longo do dia, operadores davam explicações difusas para o comportamento do mercado, mas todos afirmavam que o mercado está testando os limites da política de atuação do BC, que suspendeu na semana passada o compromisso de intervir diariamente no câmbio.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Polícia investiga morte de bebê logo após parto em Dourados
CEARÁ
Sobe para cinco o número de morto no desabamento de Fortaleza
TEMPORAL
Vendaval destelharam cerca de 50 casas em Ribas do Rio Pardo
APROVADOS
Agepen publica quadro de vagas para lotação de agentes penitenciários
MIRANDA
Ambiental recolhe filhote de cateto em sede de propriedade rural
PLANALTO
Carlos Bolsonaro pede desculpas por fazer post no Twitter do pai
GUIA LOPES
Após morte de criança por overdose, ação da polícia prende sete
SOLIDARIEDADE
Família faz vaquinha para tratamento de menina com síndrome rara
FUTEBOL
Final da Libertadores de 2020 será no estádio do Maracanã
JARDIM
Mulher é agredida com golpes de capacete e esfaqueada pelo marido

Mais Lidas

DOURADOS
Ciclista morre no HV após ser atropelado por ônibus
POLÍCIA
Irmãos são detidos após polícia encontrar droga no Jardim Flórida
DOURADOS
UPA passa a atender apenas casos de urgência e emergência
EXPULSÃO
Chefão do narcotráfico é entregue à Polícia Federal brasileira