Menu
Busca domingo, 23 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

DGPC diz que falha pode ser de “delegados inexperientes”

14 fevereiro 2005 - 09h17

A delegada Vilma de Fátima Carvalho, relações públicas da DGPC (Diretoria-Geral de Polícia Civil) de Mato Grosso do Sul, acredita que a falta de inclusão de motos furtadas em Dourados no sistema Renavan pode ser “por falha de alguns delegados sem experiência em trabalhar com veículos furtados ou roubados”. Foi essa a explicação que a policial deu à reportagem na sexta-feira à tarde. Ela tinha sido procurada no dia anterior e informada sobre o caso. Vilma Carvalho explicou que as queixas de furto ou roubo são lançadas no Renavan exclusivamente pela Defurv (Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos), sediada em Campo Grande. Segundo ela, a regra determina que o delegado que recebe a denúncia de furto ou roubo de veículo encaminhe um ofício imediatamente à Defurv para que os dados sejam lançados no Renavan. “O titular da Defurv, delegado Luiz Alberto Ojeda, afirmou que tem delegado que registra o furto e não toma providência”, afirmou Vilma de Carvalho. A delegada disse ter procurado o delegado regional da Polícia Civil em Dourados, Sebastião Portes de Cerqueira, e informado que o Diário MS estava apurando os dados da história para uma reportagem. “Pedi para ele entrar em contato com vocês. Ele disse que vai levantar as informações sobre essas motos. Vamos apurar se há alguma irregularidade”, garantiu. Apesar de a delegada dizer que pediu para Cerqueira procurar a reportagem, quem ligou foi o titular do 1º Distrito Policial, José Lázaro Ribeiro. Afirmou estar no cargo “só há seis meses” e não “sabe dizer” se motos furtadas em Dourados deixaram de ser incluídas no Renavan. “A primeira providência é passar o rádio para a Defurv”, disse o delegado. (HF e AA)   

Deixe seu Comentário

Leia Também

BRASIL
Governo facilitará exportações de produtos voltados à Defesa
BRASIL
Síndrome metabólica em adolescentes é tema de pesquisa da Capes
DOURADOS
Campanha sobre tuberculose e hanseníase será realizada em março
POLÍCIA
DOF flagra cinco com 400 quilos de contrabando em Dourados
BRASIL
Trabalho infantil aumenta 38% durante o carnaval; saiba como denunciar
STF
Liminar garante ao RS fixar contribuição previdenciária de militares sem sanções por parte da União
DOURADOS
Com ponto facultativo, sessão da Câmara foi antecipada
MS
Um dos pilares da ressocialização, a religião promove ambiente de fé em presídios
ESTADO
Judiciário de MS retomará expediente na quinta-feira
MUNDO
Cientistas descartam que novo vírus tenha origem em mercado em Wuhan

Mais Lidas

WEIMAR TORRES
Mulher morre após bater em carro que roletou avenida
JARDIM GUAICURUS
Jovem resgatada foge da UPA e tenta subir em torre mais uma vez
FÁTIMA DO SUL
Polícia prende homem que matou namorada a marteladas
FRONTEIRA
Suspeitos de matar jornalista são presos em operação