Menu
Busca quinta, 27 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

DDD será obrigatório nos celulares a partir de domingo

02 janeiro 2004 - 08h37

A partir do primeiro domingo de 2004, dia 4 de janeiro, todas as chamadas de longa distância efetuadas a partir de telefones celulares deverão incluir o código da operadora que vai suportar o interurbano, conforme informou a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), por meio de ofício, a todas as operadoras telefônicas. Há somente quatro exceções: Claro (ex-BCP), CTBC, Telemig e Amazônia. Ou seja, o usuário do celular seguirá o da telefonia fixa, que há alguns meses não completa nenhuma chamada de longa distância sem antes digitar algum código como o 21 da Embratel, o 31 da Telemar, o 14 da Brasil Telecom, o 15 da Telefônica ou o 23 da Intelig, entre outros disponíveis. No início de novembro, a Anatel prorrogou a medida para o celular, mantendo por mais 60 dias a fase de duplo convívio. Quem esquecesse de selecionar uma operadora, teria sua chamada completada assim mesmo. Durante os trabalhos de formação de hábito de seus clientes, 100% das chamadas eram completadas com ou sem o código da companhia. No segundo mês, somente 50% das chamadas sem o código foram completadas, levando a operadora a informar aos clientes da outra metade sobre a necessidade de escolher uma companhia para completar as chamadas interurbanas ou interestaduais e digitar o código correspondente. A terceira e última etapa tem início em 4 de janeiro, quando toda e qualquer ligação para outro município, estado ou para o exterior, terá que obrigatoriamente incluir o código sob risco da ligação não ser completada. Segundo levantamento efetuado pela Anatel, 83,5% das chamadas têm sido feitas seguindo as novas regras. Com isso, uma parcela de apenas 16,5% corre o risco de vir a ser interceptada pela operadora e devolvida ao cliente, que ouvirá a explicação de como proceder para corrigir e refazer a chamada. Dentre as operadoras do Serviço Móvel Pessoal (SMP), duas ainda não estão aptas a obedecer a esta determinação da Anatel: Claro-SP e CTBC. A Claro SP (ex-BCP), cuja migração ocorrerá somente em 30 de janeiro, terá 90 dias a partir de então para operar em duplo convívio. Outras duas - Telemig Celular e Amazônia Celular - permanecem vinculadas ao Serviço Móvel Celular (SMC), que não as obriga a seguir o Código de Seleção de Prestadora. As demais - como Claro (fora de São Paulo), Vivo, TIM e Oi - migraram para o Serviço Móvel Pessoal ou já foram criadas nele.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
‘Cassems Itinerante’ leva atendimento em Psiquiatria para Dourados e mais duas cidades
MANDADO DE PRISÃO
Em abordagem por pesca ilegal, PMA captura foragido da justiça
OPORTUNIDADE
Vale Universidade recebe inscrições a partir do dia 3 de março
LEGISLATIVO
Assembleia realiza audiência para apresentação de relatórios da Saúde
COVID-19
Desinfetante, álcool e água sanitária podem eliminar o Coronavírus
CAMPO GRANDE
Suposto receptador exige R$ 4 mil para devolver S-10 furtada
COTAÇÃO
Dólar fecha a R$ 4,44 e renova patamar recorde
SETE QUEDAS
Homem é preso com arma de fogo e munições em área rural
SUJEITO A PUNIÇÃO
Estados e municípios têm até domingo para informar gastos com saúde
UFGD
Universidade abre inscrições para aulas gratuitas de zumba

Mais Lidas

MULTIDÃO
Carnaval na praça central de Dourados termina em ‘confusão e sujeira’
DOURADOS
Mulher tenta sair de mercado com quase R$ 700 em compras sem pagar
INVESTIGAÇÃO
Ex-prefeito de Amambai foi morto após discussão por desacordo trabalhista
PONTA PORÃ
Estado monitora caso suspeito de Coronavírus na fronteira