Menu
Busca quinta, 21 de novembro de 2019
(67) 9860-3221
O OUTRO LADO DO PARAÍSO

Sophia provoca Gael para conseguir as terras de Clara

30 outubro 2017 - 11h20Por Da Redação

Sophia (Marieta Severo) não dá descanso para Gael (Sergio Guizé). Ambiciosa, a matriarca da família não desiste de convencer o filho a ajudá-la com as esmeraldas das terras de Clara (Bianca Bin), sua nora. Depois de uma briga do jovem com a esposa, Sophia diz que está ao lado do filho e o incentiva contra a neta de Josafá (Lima Duarte).

“Eu sempre estarei do lado do meu filho. Eu vi como ela e o garçom se entendiam muito bem.”

Lívia (Grazi Massafera) pede para a mãe parar de incentivar as loucuras do irmão, mas ela está disposta a conseguir o que quer a qualquer preço. “Se ama a Clara, e se ela te ama, convença tua mulher a permitir a exploração das esmeraldas. Veremos quem ganha essa guerra”, sentencia Sophia.

A cena vai ao ar a partir desta segunda-feira, dia 30/10. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

PONTA PORÃ
Homem é executado a tiros em frente a aeroporto na fronteira
ECONOMIA
MS tem saldo de 19,7 mil contratações com carteira assinada em 2019
JUDICIÁRIO
Moraes vota a favor do envio de dados da Receita e do antigo Coaf
MILÍCIA ARMADA
Foragido, hacker preso em SC é transferido para MS após prisão
FUNDECT/SEBRAE
Bolsa de 3 mil reais seleciona candidato para trabalhar com inovação
BRASIL
Número de novo partido Aliança pelo Brasil será 38, diz Bolsonaro
SAÚDE
Galvão Bueno sente mal-estar em Lima e está fora da final da Libertadores
Dois homens sobrevivem após carro capotar e parar a 25 metros em mata
POLÍTICA
Senador alerta para risco do Brasil perder acordo de livre comércio
POLÍCIA
Quadrilha que furtava fazendas nas proximidades de Campo Grande é presa

Mais Lidas

TENTATIVA DE FEMINICÍDIO
Ex esperou mulher chegar de curso para tentar matá-la no Estrela Verá
DOURADOS
Corregedoria abre sindicância para apurar ação da Guarda que terminou em morte
DOURADOS
Secretaria de Saúde contrata pessoal para limpeza com salários de R$ 1 mil a R$ 1,4 mil
JÚRI POPULAR
Primeira tentativa de feminicídio do ano ocorre às vésperas de julgamento por crime de 2018