Menu
Busca terça, 25 de setembro de 2018
(67) 9860-3221

Mato Grosso do Sul ganha amanhã novo guia turístico e cultural

02 junho 2011 - 19h08

A partir de amanhã (3) Mato Grosso do Sul vai contar com um novo guia de turismo, que chega para divulgar as riquezas e roteiros do turismo ecológico da região. O coquetel de lançamento será realizado às 18h30 no Museu de Arte Contemporânea de Campo Grande (Marco) e conta com a presença do governador André Puccinelli e da presidenta da Enersul, Carmem Campos Pereira.

O Guia Turístico-Cultural de Mato Grosso do Sul – Brasil visa divulgar o potencial do estado, que possui grande riqueza cultural e artística, devido a grande influência exercida pelos povos dos países vizinhos, Bolívia e Paraguai e também das colônias de imigrantes, japoneses e árabes (sírios e libaneses.). Além de ter a segunda maior população indígena do País.

Hoje, o território sul-mato-grossense é reconhecido internacionalmente por seu patrimônio cultural e histórico, sendo a região do Pantanal famosa por ser a maior planície de inundação do planeta.

A publicação patrocinada pela Enersul faz parte da série “Descubra o Brasil” que registra o potencial turístico-cultural nacional por meio de uma série de publicações sobre os principais estados do País. O lançamento do guia turístico de Mato Grosso do Sul conclui os trabalhos da série, por ser o último estado contemplado com o projeto.

####Conteúdo

O conteúdo do guia está agrupado em regiões, revelando algumas das mais interessantes localidades do Estado. Como é o caso das regiões do Pantanal e Bonito, onde o turismo ecológico é acentuado, atraindo inúmeras pessoas que desejam conhecer as belezas naturais dos rios, cavernas e das grutas, a exemplo, do Lago Azul, em Bonito.

Já na Serra da Bodoquena, o potencial turístico evidenciado está em torno dos rios de águas cristalinas, que garantem um espetáculo a parte para aos visitantes interessados nos cardumes e demais espécies aquáticas. Outro ponto acentuado no guia será o artesanato. Hoje, mais de cinco mil artesãos utilizam os recursos naturais para produzir peças de madeira e fibras, que se transformam em abajur, bandeja, luminária, fruteira e cestos.

O Guia ainda apresenta informações úteis para o público, como: sugestões de hospedagem, restaurantes, agências e operadoras de turismo, dentre outros serviços de apoio.

O turista que o utilizar também poderá fazer uso de um calendário com as datas das festas e eventos mais importantes do Estado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ECONOMIA
Início do horário de verão é confirmado para o dia 04 de novembro
LEGISLATIVO
Câmara de Dourados aprova Programa de Recuperação Fiscal durante sessão ordinária
CÂNCER
Justiça manda município fornecer medicamento de alto custo
ECONOMIA
Dólar fecha em leve queda de olho em exterior e cenário eleitoral
RECURSO NEGADO
STF manda prender Acir Gurgacz, candidato ao governo de Rondônia
DOURADOS
Palestra alerta sobre casos de depressão entre estudantes universitários
ELEIÇÕES 2018
Eleitor escolherá seis candidatos e deve se atentar a nova ordem de votação
AQUIDAUANA
Pescadores são autuados em R$ 6,7 mil com petrecho proibido, pescado, tarrafas e três veículos
JOGOS ESCOLARES
Delegação do MS embarca para fase regional em SC
CAMPO GRANDE
Companhia diz que aeronave alterou voo para manutenção

Mais Lidas

DOURADOS
Adolescente é encontrado baleado na rua e morre no HV
DOURADOS
Justiça mantém flagrante, mas concede liberdade a suspeita de alterar cena do crime
DOURADOS
Polícia encontra bilhete com “mula” e fecha entreposto de drogas no Estrela Porã
OPERAÇÃO REMAKE
Gaeco cumpre mandados e apura desvio de R$ 670 mil em sindicato