Menu
Busca sexta, 14 de agosto de 2020
(67) 99659-5905

Mato Grosso do Sul ganha amanhã novo guia turístico e cultural

02 junho 2011 - 19h08

A partir de amanhã (3) Mato Grosso do Sul vai contar com um novo guia de turismo, que chega para divulgar as riquezas e roteiros do turismo ecológico da região. O coquetel de lançamento será realizado às 18h30 no Museu de Arte Contemporânea de Campo Grande (Marco) e conta com a presença do governador André Puccinelli e da presidenta da Enersul, Carmem Campos Pereira.

O Guia Turístico-Cultural de Mato Grosso do Sul – Brasil visa divulgar o potencial do estado, que possui grande riqueza cultural e artística, devido a grande influência exercida pelos povos dos países vizinhos, Bolívia e Paraguai e também das colônias de imigrantes, japoneses e árabes (sírios e libaneses.). Além de ter a segunda maior população indígena do País.

Hoje, o território sul-mato-grossense é reconhecido internacionalmente por seu patrimônio cultural e histórico, sendo a região do Pantanal famosa por ser a maior planície de inundação do planeta.

A publicação patrocinada pela Enersul faz parte da série “Descubra o Brasil” que registra o potencial turístico-cultural nacional por meio de uma série de publicações sobre os principais estados do País. O lançamento do guia turístico de Mato Grosso do Sul conclui os trabalhos da série, por ser o último estado contemplado com o projeto.

####Conteúdo

O conteúdo do guia está agrupado em regiões, revelando algumas das mais interessantes localidades do Estado. Como é o caso das regiões do Pantanal e Bonito, onde o turismo ecológico é acentuado, atraindo inúmeras pessoas que desejam conhecer as belezas naturais dos rios, cavernas e das grutas, a exemplo, do Lago Azul, em Bonito.

Já na Serra da Bodoquena, o potencial turístico evidenciado está em torno dos rios de águas cristalinas, que garantem um espetáculo a parte para aos visitantes interessados nos cardumes e demais espécies aquáticas. Outro ponto acentuado no guia será o artesanato. Hoje, mais de cinco mil artesãos utilizam os recursos naturais para produzir peças de madeira e fibras, que se transformam em abajur, bandeja, luminária, fruteira e cestos.

O Guia ainda apresenta informações úteis para o público, como: sugestões de hospedagem, restaurantes, agências e operadoras de turismo, dentre outros serviços de apoio.

O turista que o utilizar também poderá fazer uso de um calendário com as datas das festas e eventos mais importantes do Estado.

Deixe seu Comentário

Leia Também

UNIGRAN
Acadêmico de Fisioterapia tem trabalho publicado em revista internacional
RIO BRILHANTE
Jovem flagra padrasto tentando invadir casa e se masturbando ao olhar para ela
AGRESSOR DE BOLSONARO
STJ mantém Adélio Bispo no presídio federal de Campo Grande
CORUMBÁ
Idosa de 74 anos é flagrada ao levar cocaína para o filho presidiário
FUTEBOL
Grêmio oficializa venda do atacante Everton Cebolinha para o Benfica
MEIO AMBIENTE
Paranaense é multado em R$ 55 mil por desmatamento ilegal de vegetação
JUSTIÇA
Consumidora que não recebeu móveis planejados será indenizada
POLÍCIA
Adolescente morto em Douradina foi atingido com facada no peito
RIO DE JANEIRO
Tribunal Justiça emite mandado de prisão contra Queiroz e esposa
PONTA PORÃ
Homem é executado com tiros na cabeça em calçada na fronteira

Mais Lidas

DOURADOS
Preso no Ipê Roxo era investigado desde fevereiro por estupro do sobrinho
VIDA NOTURNA
“Estão passando fome”: profissionais do sexo sofrem com a pandemia em Dourados
DOURADOS
Com gritos de "pega ladrão", grupo é flagrado furtando carro no Jardim Paulista
DOURADOS
Decreto deve autorizar volta de cursos profissionalizantes e atividades práticas de universidades