Menu
Busca segunda, 03 de agosto de 2020
(67) 99659-5905
CULTURA

Celebração de 40 anos de MS terá shows de Alceu Valença e Almir Sater

08 outubro 2017 - 10h30Por Da Redação

O Governo do Estado preparou uma série de shows musicais para comemorar os 40 anos de criação de Mato Grosso do Sul, celebrado em 11 de outubro.

Na próxima quarta (11.10) e quinta-feira (12.10), no Parque das Nações Indígenas, em Campo Grande, um coro de artistas se apresentará ao público.

Entre as atrações confirmadas estão o pernambucano Alceu Valença e o violeiro prata da casa Almir Sater.

Organizado pela Secretaria de Estado de Cultura e Cidadania (SECC), o evento reunirá apresentações musicais, exposições de artes plásticas, artesanatos e ações sociais. Para participar basta fazer a doação de um brinquedo, novo ou usado.

O material arrecadado será entregue em entidades sociais dos 79 municípios do Estado. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

EMERGENCIAL
Caixa libera novos saques do FGTS a partir desta segunda-feira
DOURADOS
Primeira semana de agosto deve ter dias com amplitude térmica de 20 graus
TRÁFICO
Preso em avião com cocaína já foi vice-prefeito e presidente de Câmara
SÃO JOSÉ DOS PINHAIS
Engavetamento com 22 veículos deixa 8 mortos e mais de 20 feridos no Paraná
PAGAMENTO
Governo deposita salários do funcionalismo estadual nesta segunda-feira
REGIÃO
Polícia apreende 300 quilos de drogas entre sucata transportada em carreta
DETRAN/MS
Exames teóricos e práticos de direção veicular retornam com limitações
PARCERIA
Sebrae/MS vai orientar empresas de Dourados sobre biossegurança
MUDANÇA
Gasolina com novo padrão passa a valer a partir bdesta segunda-feira
CAPITAL
Homem mata cunhado a tiros após bate boca em conveniência

Mais Lidas

ACIDENTE
Motociclista perde controle da moto e invade estabelecimento na Marcelino Pires
ACIDENTE
Jovem é atropelado em Dourados e motorista foge do local sem prestar socorro
TRÁFICO DE DROGAS
Força Aérea persegue pilotos que sobrevoavam MS com mais de 1 t de cocaína
DOURADOS
Quatro pessoas são presas acusadas de fazerem parte de facção criminosa