Menu
Busca quinta, 27 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Criador propõe agência reguladora e frigorífico do produtor

25 fevereiro 2005 - 17h36

A criação de uma agência reguladora para o mercado da carne e atuação do pecuarista no mercado, através de cooperativas, são saídas que o presidente da ASCN (Associação Sul-mato-grossense dos Criadores de Nelore), Ulysses Serra Neto, vê para que haja uma remuneração condizente ao criador. Para ele, a estratégia de segurar o boi no pasto não atinge o mercado por vários motivos. Um deles é que os frigoríficos estão preparados e prova disso são confinamentos que chegam a 100 mil cabeças, como é o caso do Bertin. Ulysses Serra sugere que o governo implante uma agência de regulação para estabelecer regras no mercado. O produtor, por sua vez, deve correr o risco do mercado e se lançar nele se quiser interferir nos preços. Pode ser através do arrendamento da matança, como um passo inicial, ou mesmo já montando frigorífico próprio, através de cooperativa e que seja gerenciado por profissionais que conhecem o mercado. “Se não corrermos esse risco os frigoríficos correm”, diz. Com uma marca forte, profissionais competentes, crédito mais barato, benefícios fiscais (prerrogativas que tem o sistema cooperativo) e produto de grande apelo no mercado, que são animais criados essencialmente a pasto, essa unidade poderia ser competitiva, acredita o presidente da ASCN. Para ele, a simples criação de uma central de vendas não surtiria efeito no mercado. “Se for captar o boi e vender ao frigorífico não vejo diferença a não ser facilitar o trabalho da compra”, observa. Em março ASCN vai promover uma assembléia e deve deliberar sobre o estudo de viabilidade do frigorífico do produtor.

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
‘Cassems Itinerante’ leva atendimento em Psiquiatria para Dourados e mais duas cidades
MANDADO DE PRISÃO
Em abordagem por pesca ilegal, PMA captura foragido da justiça
OPORTUNIDADE
Vale Universidade recebe inscrições a partir do dia 3 de março
LEGISLATIVO
Assembleia realiza audiência para apresentação de relatórios da Saúde
COVID-19
Desinfetante, álcool e água sanitária podem eliminar o Coronavírus
CAMPO GRANDE
Suposto receptador exige R$ 4 mil para devolver S-10 furtada
COTAÇÃO
Dólar fecha a R$ 4,44 e renova patamar recorde
SETE QUEDAS
Homem é preso com arma de fogo e munições em área rural
SUJEITO A PUNIÇÃO
Estados e municípios têm até domingo para informar gastos com saúde
UFGD
Universidade abre inscrições para aulas gratuitas de zumba

Mais Lidas

MULTIDÃO
Carnaval na praça central de Dourados termina em ‘confusão e sujeira’
DOURADOS
Mulher tenta sair de mercado com quase R$ 700 em compras sem pagar
INVESTIGAÇÃO
Ex-prefeito de Amambai foi morto após discussão por desacordo trabalhista
PONTA PORÃ
Estado monitora caso suspeito de Coronavírus na fronteira