Menu
Busca terça, 19 de março de 2019
(67) 9860-3221

Crea/MS constata que 65% dos prédios estão adaptados

19 dezembro 2003 - 12h57

Durante seis meses, o Crea-MS Conselho Regional de Engenharia, Arquitetura e Agronomia coordenou cerca de 30 FPI´s - Fiscalizações Preventivas Integradas, que verificaram acessibilidade dos prédios de uso público, entre órgãos públicos, escolas, universidades e Shopping de Campo Grande, Dourados, Três Lagoas e Corumbá.. No balanço final foi constatado que cerca de 65% dos locais visitados têm condições de receber portadores de necessidades especiais. De acordo com o presidente do Crea-MS, engenheiro Amarildo Miranda Melo, este alto percentual deve-se ao fato de que, nesta primeira etapa, foram vistoriados edifícios com grande fluxo de pessoas, que já passaram por adaptações por serem mais visados. "Nosso objetivo não era punir e sim chamar a atenção sobre importância de se ter o ambiente com acesso facilitado por isso foram vistoriadas instituições visadas, como as universidades e os prédios do INSS, e que felizmente, já passaram por adaptações", declarou. Na avaliação de Melo, ainda há muito o que se fazer para que o acesso das pessoas portadoras de necessidade especiais esteja garantido, "mas já demos um grande passo com as ações do Fórume vamos continuar o trabalho em 2004", disse.O Fórum de Acessibilidade aprovou um sistema que classifica os prédios em classes, sendo que os locais que oferecem o chamado "acesso universal" pertencem a Classe 1, quando há irregularidades mínimas quanto às especificações técnicas, o prédio receberá Classe 2 e assim, progressivamente. No resultado final, 34,5 % dos locais visitados pertencem a Classe 1, na classe 2 o percentual foi de 31%, na classe 3 foi de 17%, na classe 4 foi 14% e na classe 5 apenas 3,5%. Hoje, 19 de dezembro, durante a abertura do Simpósio de Acessibilidade os prédios que obtiveram classificação 1 e 2 receberão um Selo e um Certificado de Acessibilidade.

Deixe seu Comentário

Leia Também

ARMA DO PAI
Polícia vai investigar círculo social de menina morta em Mundo Novo
INADIMPLÊNCIA
Instituto Gerir rompe contrato com Secretaria Estadual de Saúde
SAÚDE PÚBLICA
Brasil perde status de país livre de sarampo após 10,3 mil casos em 1 ano
AQUIDAUANA
Ex e mais 3 embriagaram e estupraram adolescente por 12 horas
EDUCAÇÃO
Enem 2018: espelhos da redação estão disponíveis para candidatos
EXAME DA ORDEM
OAB não aceitará inscrição de acusados de violência contra mulheres
ITINERANTE
Carreta da Justiça atende comarca de Guia Lopes da Laguna
MARACAJÚ
Homem é flagrado com arma e munições em bolsa
DOURADOS
Pai e madrasta de criança morta por agressão vão a júri popular
ECONOMIA
Dólar fecha em queda, abaixo de R$ 3,80

Mais Lidas

TRAGÉDIA
Família que morreu em acidente na BR-060 seguia para missa de colação de grau
BR-060
Morre no hospital terceira vítima de acidente na Capital
NAVIRAÍ
Corpo de foragido do semiaberto é encontrado em terreno baldio
SIDROLÂNDIA
Acidente entre carro e caminhão mata duas mulheres na BR-060