Menu
Busca sexta, 14 de agosto de 2020
(67) 99659-5905

Coordenadora da ONG Recovê depõe hoje no Senado

31 março 2005 - 08h02

A coordenadora de ações da organização não-governamental sul-matogrossense Recovê, Roseli Ruiz Silva, vai depor na manhã desta quinta-feira na Comissão dos Direitos Humanos do Senado Federal, onde pretende expor provas do envolvimento do Conselho Indígena Missionário (CIMI) e ONGs internacionais na onda de invasões de terras em Mato Grosso do Sul.A audiência perante a Comissão, que é presidida pelo senador Juvêncio César da Fonseca (MS) está marcada para às 9h30 no plenário do Senado . Roseli Silva enviou dossiês sobre as denúncias para os senadores e acabou sendo convidada a prestar depoimento perante o Senado para apresentar provas contra o CIMI.Entre as denúncias estaria o envio de 450 mil dólares por organizações internacionais para o CIMI, para financiar duas invasões de terras por ano, denominadas de “retomada”. O dinheiro, segundo Roseli Silva, foi utilizado para compra de facões, lonas e alimentação para os índios invasores, que só no ano passado teriam consumido 18 mil dólares em comida.Depois de entregar um documento semelhante ao presidente Luís Inácio Lula da Silva, na última visita presidencial a Mato Grosso do Sul, Roseli Silva vai apresentar documentos que comprovariam crimes como homicídios que estariam sendo disfarçados de suicídios. “Enquanto índios morrem de fome, o CIMI recebe dólares para financiar invasões”, disse ela.Roseli Silva também vai levar ao conhecimento dos senadores e membros da Comissão dos Direitos Humanos que enquanto os índios são “beatificados”, os produtores rurais estão sendo bestificados. Ela disse que vai relatar as ações do professor Antônio Brand, que estaria incentivando os índios a promoverem invasões em massa em Dourados e outras cidades do Estado. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

SAÚDE
Em 10 dias Anvisa deve receber pedido de registro de soros de cavalos
MATO GROSSO DO SUL
Segurança Pública anuncia repasse de R$ 39,5 milhões para atuação na fronteira
NOVA ANDRADINA
Preso em operação contra pedofilia recebe liberdade provisória
DOURADOS
Corrente do bem da 94FM entrega triciclo a morador do Altos do Alvorada
BR-060
Polícia encontra mais de 600 telefones contrabandeados em bagageiro de ônibus
MATO GROSSO DO SUL
Após acidente com naja, criadores já entregaram voluntariamente 7 serpentes ao CRAS
PANDEMIA
Acadêmicos criam Orienta Covid Dourados para tirar dúvidas da população
BRASIL
Depen autoriza visitas virtuais em penitenciárias federais
ANTÔNIO JOÃO
Idoso é indiciado por abuso de primas de 6 e 8 anos
PANDEMIA
MS ultrapassa 35 mil casos de coronavírus e se aproxima de 600 óbitos

Mais Lidas

DOURADOS
Preso no Ipê Roxo era investigado desde fevereiro por estupro do sobrinho
VIDA NOTURNA
“Estão passando fome”: profissionais do sexo sofrem com a pandemia em Dourados
DOURADOS
Com gritos de "pega ladrão", grupo é flagrado furtando carro no Jardim Paulista
DOURADOS
Decreto deve autorizar volta de cursos profissionalizantes e atividades práticas de universidades