Menu
Busca quarta, 27 de maio de 2020
(67) 99659-5905

Coordenadora da ONG Recovê depõe hoje no Senado

31 março 2005 - 08h02

A coordenadora de ações da organização não-governamental sul-matogrossense Recovê, Roseli Ruiz Silva, vai depor na manhã desta quinta-feira na Comissão dos Direitos Humanos do Senado Federal, onde pretende expor provas do envolvimento do Conselho Indígena Missionário (CIMI) e ONGs internacionais na onda de invasões de terras em Mato Grosso do Sul.A audiência perante a Comissão, que é presidida pelo senador Juvêncio César da Fonseca (MS) está marcada para às 9h30 no plenário do Senado . Roseli Silva enviou dossiês sobre as denúncias para os senadores e acabou sendo convidada a prestar depoimento perante o Senado para apresentar provas contra o CIMI.Entre as denúncias estaria o envio de 450 mil dólares por organizações internacionais para o CIMI, para financiar duas invasões de terras por ano, denominadas de “retomada”. O dinheiro, segundo Roseli Silva, foi utilizado para compra de facões, lonas e alimentação para os índios invasores, que só no ano passado teriam consumido 18 mil dólares em comida.Depois de entregar um documento semelhante ao presidente Luís Inácio Lula da Silva, na última visita presidencial a Mato Grosso do Sul, Roseli Silva vai apresentar documentos que comprovariam crimes como homicídios que estariam sendo disfarçados de suicídios. “Enquanto índios morrem de fome, o CIMI recebe dólares para financiar invasões”, disse ela.Roseli Silva também vai levar ao conhecimento dos senadores e membros da Comissão dos Direitos Humanos que enquanto os índios são “beatificados”, os produtores rurais estão sendo bestificados. Ela disse que vai relatar as ações do professor Antônio Brand, que estaria incentivando os índios a promoverem invasões em massa em Dourados e outras cidades do Estado. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAPITAL
Homem é encontrado na rua, vai para CTI e morre sem identificação
POLÍCIA
Golpes a beneficiários do auxílio emergencial continuam em Dourados
BRASIL
PGR pede suspensão de inquérito que apura divulgação de fake news
CAMPO GRANDE
Polícia procura por segundo envolvido em assalto a delegado
CARTÃO DE CRÉDITO
Polícia alerta para golpe aplicado em idosos em Dourados
JUSTIÇA
Corretor deve devolver sinal dado em negócio não concretizado
POLÍCIA
Garota de programa que levaria droga para capital é presa na MS-164
DOURADOS
Após brigar com a ex e decidir dormir na rua, homem é assaltado e agredido
TRANSPORTE AÉREO
Dourados vai continuar sem voos comerciais por mais um mês
ECONOMIA
Dólar fecha em queda e cai abaixo de R$ 5,30

Mais Lidas

DOURADOS
Prefeitura estende toque de recolher em 2h em Dourados
PANDEMIA
Dourados tem mais de 150 casos de Covid-19 e secretário diz ser assustadora a crescente na região
PANDEMIA
Dourados investiga morte com suspeita do novo coronavírus
DOURADOS
Empresários cobram de Délia prova científica para justificar toque de recolher