Menu
Busca quinta, 27 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Construção civil da Capital quer reajuste salarial de 25%

22 janeiro 2005 - 10h34

Os trabalhadores na indústria da construção civil de Campo Grande querem reajuste salarial de 25% (19% de reajuste  e mais 6% de ganho real) . Amanhã eles se reúnem na sede de seu sindicato (Rua Maracajú, 878) em assembléia geral extraordinária, para discutir esse e outros assuntos da pauta de negociação da Convenção Coletiva de Trabalho que passará a vigorar a partir de primeiro de março.O líder sindical da categoria, Samuel da Silva Freitas informou que o encontro será a partir das 9 horas e, como forma de incentivo para que a categoria, na maioria, desempregada, participe da reunião, a entidade estará sorteando três bicicletas.“Nessa reunião iremos discutir assuntos diversos relacionados, por exemplo, à melhoria real dos salários; condições dignas de trabalho; alimentação para os trabalhadores; programa de alfabetização; saúde e habitação e maior controle do fundo de garantia dos trabalhadores”, comentou Samuel Freitas. A indústria da construção civil, segundo Samuel Freitas, tem atravessado uma dura crise nos últimos anos em todo o Estado. O fechamento de inúmeras construtoras e a falta de investimentos públicos especialmente em moradias, têm dificultado a manutenção do emprego na categoria. Não é à toa, segundo Samuel, que existem hoje pelo menos 24 mil trabalhadores desempregados desse setor que já empregou uma média de 30 mil operários. “Esperamos que em 2005 esse quadro se reverta e tanto a iniciativa privada como os governos federal, estadual e municipal, invistam mais em novas construções, gerando emprego e renda para todos os segmentos de nossa economia”, afirmou Samuel convocando a categoria para a Assembléia Geral no domingo a partir das 9 horas na sede do sindicato.  

Deixe seu Comentário

Leia Também

Educação
Curso de Especialização - Lato Sensu em Docência na Educação Superior da Universidade Mackenzie no polo da Erasmo Braga
CORONAVÍRUS
China espera ter epidemia sob controle no fim de abril
EXAME
Resultado da primeira suspeita de coronavírus em MS deve sair ainda pela manhã
ECONOMIA
Refis: empresas ainda tem superdescontos para regularizar débitos do ICMS
UFGD
Projeto Chá com Drama inscreve novos participantes até 2 de março
HARRISON DE FIGUEIREDO
Preso com revólver, homem disse ter se armado contra ameaças de rival
ALERTA
Saúde tem seis casos monitorados por suspeita do novo coronavírus em MS
DOURADOS
Jovem deixa chave no contato e tem moto furtada
DOURADOS
Com oito dias chuvosos, fevereiro já tem quase toda chuva esperada para o mês
PARQUE DO LAGO
Ladrões usam carro para estourar porta de mercado e fogem com cofre; veja vídeo

Mais Lidas

MULTIDÃO
Carnaval na praça central de Dourados termina em ‘confusão e sujeira’
DOURADOS
Mulher tenta sair de mercado com quase R$ 700 em compras sem pagar
INVESTIGAÇÃO
Ex-prefeito de Amambai foi morto após discussão por desacordo trabalhista
PONTA PORÃ
Estado monitora caso suspeito de Coronavírus na fronteira