Menu
Busca domingo, 16 de fevereiro de 2020
(67) 9860-3221

Comitê do Fome Zero vai decidir destino de alimentos doados

20 janeiro 2004 - 13h39

A campanha Natal da Solidariedade Premiada representa a responsabilidade social somada aos programas desenvolvidos no Estado que estão revertendo o quadro de miséria." Assim a secretária de Trabalho, Assistência Social e Economia Solidária, Eloísa Castro Berro definiu a parceria do Governo Popular com entidades comerciais de Mato Grosso do Sul, que resultou no sorteio de sete carros zero quilômetro e a arrecadação de 45 toneladas de alimentos doados ao programa Fome Zero.Segundo Eloísa, desde o início do mandato do governador Zeca do PT em 1999, os programa sociais criados no Estado vem apresentando bons resultados, que podem ser comprovados com o atendimento de 80 mil famílias pelo Bolsa Escola e Segurança Alimentar e a alfabetização de 43 mil jovens e adultos. “Essas parcerias com entidades da sociedade promovem o bem estar e o combate à fome, que são prioridades do Governo Popular”, analisou.A secretária afirmou que o governador Zeca do PT está instituindo o Comitê Estadual do Programa Fome Zero, formado por representantes de organizações governamentais e não governamentais que será responsável pela definição do destino dos alimentos doados na campanha, além de todas as outras doações que forem recebidas no Estado. “O comitê também terá a função de prestar contas dos trabalhos desenvolvidos no Estado para o fomento do Fome Zero”, complementou.O Natal da Solidariedade teve o apoio do Governo do Estado em parceria com a Associação Comercial e Campo Grande, Amas (Associação de Supermercadistas de Mato Grosso do Sul); CDL (Câmara de Dirigentes Logistas) e ocorreu na Capital entre os dias 10 de dezembro e 05 de janeiro, quando foram distribuídos 500 mil cupons para o sorteio de quatro Celta zero quilômetro. A cada compra acima de R$25,00, o consumidor tinha direito a concorrer aos prêmios sorteados no último dia 10. Todo o dinheiro arrecadado com a venda dos cupons foi revertido em alimentos, que somaram 45 toneladas e foram transformados em 2.032 cestas de R$35,50 e 22 quilos cada uma.Estiveram presentes na cerimônia da entrega dos alimentos e dos carros no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo: secretário de Coordenação Geral do Governo, Paulo Duarte; presidente da Facims (Federação das Associações Comerciais e Industriais de Mato Grosso do Sul), Wagner Simoni; vice-presidente da AMAS, Luiz Carlos Campos; presidente da Associação Comercial de Campo Grande, Benjamin Chaia e vice-presidente da CDL, Roberto Rech.

Deixe seu Comentário

Leia Também

CASA DE LEIS
Sessões, CPI e capacitação de servidores são os destaques da semana na Alems
POLÍTICA
Alto escalão do governo terá desempenho avaliado a partir de abril
ESPORTES
Final de semana de medalhas para judô brasileiro
CUIDADOS
Com riscos a saúde humana, pragas urbanas podem ser evitadas
REGIÃO
Maconha que seria levada para o Ceará é apreendida em MS
CONTRABANDO
PRF apreende de 2 toneladas de agrotóxicos escondidos em carga de leite
SAÚDE
Cai para três número de casos suspeitos de coronavírus no Brasil
CORUMBÁ
Escolas de samba realizam pré-desfile neste domingo
CAMPEÃO
Trio decide, Flamengo domina o Athletico-PR e conquista a Supercopa
DROGAS
Duas mulheres são presas por tráfico em ônibus que passava por Dourados

Mais Lidas

VILA SÃO BRÁS
Venezuelanos são flagrados consumindo maconha em bairro de Dourados
HARRISON DE FIGUEIREDO
Adolescente é detido e jovem é presa por tráfico, receptação e posse
DOURADOS
Dupla é presa por porte e posse ilegal de arma de fogo
FURTOS
Ladrões fazem “arrastão” e levam motos em Dourados