Menu
Busca domingo, 19 de janeiro de 2020
(67) 9860-3221

CNT/Sensus: Alckmin cai e Lula venceria no 1º turno

08 agosto 2006 - 11h11

Pesquisa realizada pelo instituto Sensus em agosto, encomendada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT), mostra crescimento de 3,8 pontos do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), candidato à reeleição, com 47,9% das intenções de voto. Na pesquisa de julho, ele tinha 44,1%. Geraldo Alckmin (PSDB) passou de 27,2% para 19,7%. Heloísa Helena (Psol) subiu novamente, indo de 5,4% para 9,3%. Ana Maria Rangel (PRP) passou de 1,2% para 1,1%. Cristovam Buarque (PDT) passou de 1,4% para 0,6%. Luciano Bivar (PSL), antes com 0,3%, foi para 0,2%.José Maria Eymael (PSDC), de 0,3% foi para 0,4% e Rui Pimenta (PCO), antes com 0,3%, está com 0,1%. Votos brancos, nulos e indecisos somam 20,9%. Em julho, somavam 20%. O levantamento ouviu 2 mil pessoas, entre os dias 1º e 4 de agosto.A margem de erro máxima é de 3%. A pesquisa está registrada no TSE sob número 12310 /2006.Considerando apenas os votos válidos, Lula venceria no primeiro turno com 60,5%. Alckmin obteve 24,9% e Heloísa Helena, 11,7%. Segundo o diretor do Instituto Sensus, Ricardo Guedes, há três hipóteses para a queda brusca de Alckmin, um total de 7,5 pontos percentuais entre julho e agosto nas intenções do primeiro turno. Ele enumera os ataques do PCC em São Paulo, o candidato pode não estar tendo eficiência na mídia e a questão da expectativa de vitória. Quem não acredita que o Alckmin possa ganhar, opta por Heloísa Helena como forma de protesto. Na simulação do segundo turno, Lula cresceu também, indo de 48,6% para 52,5%. Alckmin passou de 35,8% para 29,8%. Os votos brancos, nulos e indecisos, que eram de 15,7%, foram para 17,8%. Na simulação de segundo turno entre Lula e Heloísa Helena, o petista passou de 54,7% para 56,9%. Dentro da margem de erro (três pontos percentuais). Assim como a diferença nos índices da senadora, que passou de 22,6% para 22,7% em agosto. Os votos indecisos brancos e nulos passaram de 22,7% para 20,4%. Em uma terceira simulação, com Cristovam Buarque, Lula passou de 58,8% para 61,5%. Cristovam foi de 13,8% para 12,8%. Votos indecisos, nulos e brancos eram 27,5% em julho e foram a 25,9% em agosto.

Deixe seu Comentário

Leia Também

PONTA PORÃ
Caminhonetes são encontradas incendiadas no lado brasileiro da Fronteira
ECONOMIA
Brasil assina acordo de cooperação agrícola com a Alemanha
DOURADOS
Concursados da PM, Bombeiros e GM se unem para cobrar convocação
FRONTEIRA
Polícia de MS alia forças ao Paraguai para captura de foragidos de presídio em Pedro Juan
DOURADOS
Casal têm celulares roubados durante caminhada no Jardim Progresso
POLÍTICA
Novo partido não usará fundo eleitoral sancionado, diz Bolsonaro
SÃO GABRIEL DO OESTE
Adolescente é morta a tiros pelo marido após discussão
CAPITAL
Florista baleada pelo ex-namorado morre na Santa Casa
DOURADOS
Homem tem moto furtada no Jardim Tropical
MUNDO
Vírus de origem chinesa pode ter infectado mais de mil de pessoas

Mais Lidas

CAPITAL
Veterinária deixa motel em surto e morre embaixo de caminhão
TRÁFICO
Polícia flagra esquema de venda de droga no cartão em Dourados
DOURADOS
Mulher é trancada no banheiro durante assalto no BNH 3º Plano
GUARDA
Traficante que queria ganhar R$ 12 mil vendendo drogas é presa em Dourados