Menu
Busca sábado, 23 de março de 2019
(67) 9860-3221

CNBB lança campanha para diminuir violência no País

18 dezembro 2003 - 15h39

Criar uma cultura da paz nas relações humanas é um dos objetivos traçados pela CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) para 2004. Hoje, a entidade divulgou uma mensagem de Natal e lançou o projeto “Por uma Cultura de Paz no Brasil, Superando as Violências”.No recado natalino, a CNBB defende que a fé pode ajudar a vencer a violência. “A estrela de Belém continua a resplandecer em meio às dificuldades e apreensões, violência e desafios para a construção de uma nova humanidade e de um Brasil mais justo e solidário”, diz a mensagem assinada por dom Geraldo Majella Agnelo, presidente da CNBB.O projeto “Por uma Cultura de Paz” começará a incentivar a criação de “territórios de paz” nas comunidades e de conselhos da paz e de superação da violência. “Esse é um projeto que não tem data para terminar. Quando todo o mundo estiver em paz, então, será preciso criar um conselho de manutenção da paz”, brincou o secretário-geral da CNBB, dom Odilo Pedro Scherer.

Deixe seu Comentário

Leia Também

DOURADOS
Agehab vai aos bairros para regularização de loteamentos sociais
PONTA PORÃ
Adolescente é apreendida com maconha que levaria para São Paulo
LUTO
Ator e diretor Domingos Oliveira morre aos 83 ans no Rio de Janeiro
FUTEBOL
Paquetá marca, mas Brasil só empata com Panamá em amistoso
BRASIL
Caminhoneiros se mobilizam para nova paralisação, mostra monitoramento
IVINHEMA
Médico veterinário morre em acidente de moto na MS-276
CICLISMO
Desafio das Araras de Mountain Bike abre inscrições para 2ª etapa
TRÊS LAGOAS
Homens tentam dar calote de R$ 4,5 mil em boate e acabam na delegacia
VIOLÊNCIA
Líder rural é assassinada a facadas em assentamento no sudeste do Pará
DOURADOS
Homem é assaltado por trio quando trafegava próximo ao shopping

Mais Lidas

HU
Dengue hemorrágica causa morte de menino de 11 anos em Dourados
LUTO
Fundadora da ADL, Ruth Hellman morre em Dourados
DOURADOS
Protesto contra a Reforma da Previdência leva centenas ao Centro
DOURADOS
Trio que matou e roubou cabeleireiro é condenado a 62 anos de cadeia