Menu
Busca sexta, 20 de julho de 2018
(67) 9860-3221

Clube de Mães do Parque das Nações II encerra curso

11 dezembro 2003 - 18h57

Aconteceu nesta quinta-feira, o encerramento do “Curso de Capacitação Profissional” no Clube de Mães do Parque das Nações II. O curso para confecção de bijuterias, que foi promovido pela Secretaria de Assistência Social e Economia Solidária (Semases), teve duração de 30 dias, e 21 moradoras beneficiadas. A prefeitura forneceu a matéria-prima e o instrutor, enquanto a comunidade cedia o espaço físico. Segundo a superintendente de Trabalho e Economia Solidária, Margarida de Fátima Nicoleti, “a coisa mais importante que pode acontecer entre a administração pública e a população, é a parceria para melhorar as ações e direcionar as soluções dos problemas. O que aconteceu aqui foi muito gratificante, ver essas mulheres que não tinham qualquer perspectiva de emprego trabalhando. É uma recompensa”, concluiu.O curso de artesanato, específico na área de bijuterias, que foi ministrado por Maria Elza da Silva, “é um curso que gera renda para as famílias e motiva, nós trabalhamos durante o curso metodologias para combater o stress e a depressão.” A professora afirma que o investimento inicial é pequeno, e o lucro pode chegar rápido em casa. “O investimento inicial é de aproximadamente R$ 60. Comprando alicate, miçangas e mais alguns itens, as alunas podem começar a produção, elaborar planos de comercialização em lojas e camelôs, e presentear os amigos”, finalizou.O curso de artesanato já está gerando renda para algumas famílias. As alunas já estão comercializando as peças e a intenção é que o curso venha trazer um novo posto de trabalho, onde as pessoas possam gerar mais renda para a família. A moradora do Parque das Nações, Nadir Sabino e Silva, terminou o curso com sucesso. “Quando eu iniciei o curso não tinha muita expectativa de futuro, pois sou deficiente auditiva e era muito ansiosa, além de sofrer com depressão. Agora posso trabalhar e colocar mais um pouquinho de dinheiro dentro de casa”.Todas os participantes receberam certificado de participação e além do curso de qualificação profissional foi foram repassadas teorias para a formação da cidadania,  onde se discutiam vários temas como saúde, violência contra a mulher, educação, transporte e participação política. Esses temas foram trabalhados em consonância com o curso, porque a atual administração entende que “a pessoa não necessita apenas da qualificação, mas também de um convívio social, formando o cidadão como um todo”. 

Deixe seu Comentário

Leia Também

CAMPO GRANDE
Corpo é encontrado carbonizado após denúncia anônima
LAMA ASFÁLTICA
Puccinelli, filho e advogado são presos na Capital
DOURADOS
Bandidos levam motos de vítimas e polícia suspeita que uma delas tenha sido usada em roubo a vereador
TELEVISÃO
Ex-apresentadora acusa a TV Globo de racismo em demissão
ALBINO COM A JOAQUIM
Músico morre quatro dias após acidente no Centro de Dourados
DOURADOS
Vereador é assaltado por dupla armada ao chegar em casa
FUTEBOL
Seduc empata e segue com chances de classificação na Taça BH sub-17
ÔNIBUS
Três Lagoas ganha Justiça Itinerante a partir desta sexta-feira
SONORA
Contratado para frete, caminhoneiro some com 31 mil kg de açúcar
JUSTIÇA
Acusado de matar cunhado por vingança vai à júri nesta sexta-feira

Mais Lidas

DOURADOS
Ladrões levaram mais de R$ 1,5 mil em assalto a padaria
DOURADOS
Polícia prende trio acusado de assaltar padaria no III Plano
OPERAÇÃO ECHELON
Facção tem "casa de apoio" para presos em MS
MS-156
Traficantes abandonam caminhonete com mais de 1t de maconha